Publicidade

Irmão de Eduardo Costa é ouvido em inquérito da morte de mulher, se a morte se trata de um suicídio, acidente ou feminicídio. 

Postado em 01/12/2020 16:23

Welington Costa teria sido contratado para cantar em festa que ocorria no apartamento do prédio do bairro Castelo

Welington Costa irmão de Eduardo Costa Foto: Reprodução/ Redes Sociais

O cantor Welington Costa presta depoimento na tarde desta terça-feira (1º) no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) localizado no bairro São Francisco, em Belo Horizonte. O artista, que é irmão do cantor sertanejo Eduardo Costa, vai ser ouvido no inquérito que apura a causa da morte da administradora de imóveis Hilma Balsamão, de 38 anos, que caiu de uma cobertura no bairro Castelo. 

Welington Costa teria sido contratado pelo empresário Gustavo Veloso para fazer um show no apartamento, onde estaria ocorrendo uma festa. Nessa segunda-feira (2), durante o depoimento do empresário, o advogado dele negou que fosse uma festa e afirmou que era um almoço de trabalho, que se estendeu para um jantar. 

Depoimentos 

O empresário, de 42 anos, apontado pela família da administradora de imóveis como o namorado dela, prestou depoimento no DHPP na tarde dessa segunda. O filho dele, de 17 anos, também foi ouvido nesta segunda pela equipe da delegacia que investiga o caso.   

Apesar dos familiares da vítima afirmarem que ela namorava o empresário há cerca de sete meses, o advogado do dono do apartamento alega que Hilma prestava serviço como secretária para o cliente dele. Além disso, o defensor explicou que o empresário tem uma união estável com outra mulher.  

O empresário afirma que, durante uma discussão com Hilma, ela teria subiu no parapeito do prédio e acabou caindo. A Polícia Civil investiga se a morte se trata de um suicídio, acidente ou feminicídio. 

fonte: itatiaia 

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!