Publicidade

Vereador propõe discussão sobre crise hídrica para reverter situação crítica dos reservatórios da região

Postado em 29/09/2021 11:57

A Agência Nacional de Águas declarou no mês passado situação crítica de escassez hídrica em áreas de cinco estados brasileiros. A Companhia Energética de Minas Gerais (CEMIG), Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) e Companhia de Abastecimento de Minas Gerais (COPASA), que atuam nas cidades da região, acompanham a situação de cidades como Itaúna, Divinópolis, Pará de Minas, Oliveira e Carmo do Cajuru.

Em nenhum destes municípios há possibilidade desabastecimento neste momento, segundo gestores das autarquias. No entanto, a situação dos reservatórios que se agrava a cada ano chama a atenção. Em Divinópolis, o Rio Itapecerica, que é responsável pelo abastecimento de 85% da população, está com o nível de aproximadamente 1,30 metros na região da captação de água. Na mesma data do ano passado, o nível era de 1,57 metros.

O reservatório da Pequena Central Hidrelétrica (PCH Cajuru), localizado entre os municípios de Carmo do Cajuru e Divinópolis, está com menos de 60% de volume útil em um universo de 100%. Para propor a discussão do tema o vereador Diego Espino pretende realizar uma audiência pública. O parlamentar está acompanhando uma discussão semelhante em relação ao Lago de Furnas. A ideia é trazer a discussão para nossa realidade.

Advertisement

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
plataforma ead
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade