Publicidade

André Ferreira é o denunciante no caso de candidato a vereador em Divinópolis que fez live homofóbica

Postado em 21/10/2020 19:47

O candidato a vereador em Divinópolis, André Ferreira (PSB) fez uma representação no Ministério Público contra Wanderson Vitor Aparecido da Silva (PSL) baseado em uma transmissão ao vivo, no dia 14 de outubro de 2020, ás 19 horas e 23 minutos, através da rede Facebook, em uma página intitulada como Wanderson Divinópolis.

De acordo com a denuncia a transmissão ao vivo contou com a participação de três homens, sendo um deles o candidato que durante toda a transmissão segurou um pedaço de madeira nas mãos. Para o denunciante como forma de tentar coagir ou intimidar os eleitores. De forma agressiva, Wanderson proferiu vários xingamentos, ameaças e falas homofóbicas.

André Ferreira, é ativista pelos direitos humanos, “Considero que a sociedade não tolera atos discriminatórios, preconceituosos e excludentes. Precisamos lutar todos os dias para que qualquer forma de preconceito acabe. Política não será palco para pessoas preconceituosas”, considerou.

O presidente do PSL em Divinópolis,  Fernando Malta, emitiu uma nota de esclarecimento, veja na íntegra:

NOTA DE ESCLARECIMENTO PÚBLICO

Divinópolis (MG) 21 de outubro de 2020.

                                    O Presidente da Comissão Provisória do Partido Social Liberal – PSL 17 em Divinópolis, considerando os fatos noticiados pela imprensa acerca da conduta do candidato a Vereador WANDERSON VITOR APARECIDO DA SILVA em suas redes sociais, presta os seguintes esclarecimentos:

 

 

 

 

 

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!