Vereador usa as redes sociais para falar sobre expulsão do MDB

Postado em 05/11/2019 18:36

A informação antecipada pelo vereador Edson Souza (MDB) foi concretizada. Pelas redes sociais o parlamentar fez um alerta no último final de semana dizendo que havia um movimento para expulsá-lo do partido. A reunião que teria concretizado essa decisão foi realizada pela cúpula do partido na última segunda-feira, 04 de novembro. Durante a tarde desta terça-feira o partido protocolou o documento oficializando a decisão de expulsar o parlamentar da legenda.

No documento publicado pelo parlamentar nas redes sociais ele oficializou o desejo da legenda em fazer o desligamento. No texto o vereador fala sobre a articulação interna da legenda. “Na data de 1º de novembro de 2019, conforme vídeo como testemunho para resguardar a informação recebida, fiquei sabendo de uma ação covarde que teria acontecido para me expulsarem do MDB de Divinópolis. Teria acontecido uma reunião na semana passada com o intuito de me expulsarem do partido, sendo que não fui comunicado e nem convocado, em total descordo com o Art. 8º do próprio estatuto do MDB”.

Em outra parte da publicação o vereador Edson afirmou que o motivo seria os últimos posicionamentos no legislativo incluindo a denuncia apresentada contra o prefeito Galileu. “Existe uma lei, 6.749/2008, que prevê que a reposição salarial dos servidores públicos deve ser obrigatória todo ano em março. Ela foi aplicada em todos os vereadores e servidores da Câmara a partir de março. Na Prefeitura, ilegalmente, o Prefeito fez um Decreto passando por cima da Lei, concedendo essa reposição somente a partir do junho. Eu alertei ao Prefeito através do Requerimento CM 208/2019 em maio sobre essa ilegalidade, mas não obtive nenhuma resposta. Desta forma, para não prevaricar, entrei com pedido de impeachment sobre esse descumprimento dessa ilegalidade gravíssima”.

No documento protocolado na Câmara pelo MDB, o diretório municipal diz que o vereador contrariou o código de ética e por isso a decisão foi promulgada. O vereador Edson Souza disse que vai recorrer contra a decisão. Ele disse ainda que pretende mover um processo contra o partido por danos morais.

 

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com