Publicidade

Divinópolis ainda não se manifestou para integrar consórcio para compra direta e vacinas contra a covid-19

Postado em 04/03/2021 17:33

A possibilidade de compra por meio de consórcio de municípios e assim a aquisição de vacinas contra a covid-19  de forma direta. Já são 649 prefeituras pela Federação Nacional de Prefeitos (FNP), dentre eles Belo Horizonte, Uberlândia, Contagem, Martinho Campos, Lagoa da Prata e Pará de Minas.

As prefeituras tem até esta sexta-feira (5) para aderir ao consórcio, ainda o deve ser elaborado um modelo de projeto de lei para ser enviado às câmaras municipais para que as cidades participem das compras.

A ideia é que as prefeituras possam comprar as vacinas caso o Plano Nacional de Imunização (PNI), coordenado pelo Ministério da Saúde, não seja capaz de suprir toda a demanda. 

Advertisement

Estão sendo avaliadas formas de financiar a aquisição dos imunizantes. Há três possibilidades principais: recursos do governo federal; financiamento por organismos internacionais e doações de investidores privados brasileiros.

“A saúde não tem preço”, ex-prefeito usa essa frase para justificar assinatura de intenção de compra da vacina

 

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
plataforma ead
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!