Publicidade

Helena Antipoff promove dois dias de congresso

Postado em 10/11/2020 15:24

O Instituto Helena Antipoff (IHA) em Divinópolis realiza, nesta quarta e quinta-feira (11 e 12/11), a partir das 19h30, o II Congresso com o tema “O empoderamento da pessoa com deficiência através das práticas de inclusão”. Em razão da pandemia, o evento, que ocorre no Salão Nobre da instituição, será transmitidos através de seu canal no YouTube (https://www.youtube.com/InstitutoHelenaAntipoff) e Facebook (https://www.facebook.com/institutohelenaantipoff).
 
Ao todo, serão quatro palestras. A neuropsicopedagoga Patrícia Cenciani Amaral abre o evento abordando “O papel do professor de apoio no processo de inclusão”, às 18h30. Em seguida, às 20h30, o pediatra do instituto, Júlio Veloso discute “Definições e perspectivas no atendimento da pessoa com deficiência e suas contradições do diagnóstico”.
 
No dia seguinte, às 19h30, a terapeuta ocupacional Ana Fernanda Galvão aborda “A importância do brincar e suas interfaces: acompanhamento familiar nos temas atuais”. Fechando a programação, às 20h30, o instituto coloca em pauta o “Cenário atual e os desafios e da pessoa com deficiência na defesa e garantia de direitos”, com o assistente social, Maicom Marques.
 
Importância
 
A intenção dos instituto é ampliar a discussão sobre os direitos dos assistidos e da inclusão social. Um dos objetivos é aproximar as famílias dos assistidos e multiplicar conhecimento para a sociedade acerca de temas pertinentes ao público atendido. Para o presidente do IHA, Juliano Vilela, a segunda edição do congresso formaliza o trabalho realizado há 50 pela instituição.
 
“Neste ano, celebramos meio século de serviços prestados à comunidade de Divinópolis e região. Temos orgulho em poder dizer que, durante toda a nossa história, contribuímos para não apenas atender nossos assistidos, mas também contribuir e abrir espaços para a discussão do tema, quebrar preconceito e avançar na aceitação das crianças e adolescente. Não é um processo fácil e, por isso, dar continuidade aos congressos é fundamental para essa caminhada”, comentou.
 
O instituto
 
O Instituto Helena Antipoff é gerenciado pelo Lions Clube Pioneiro. É uma entidade assistencial sem fins lucrativos fundado em 1970, que oferece diversos serviços às pessoas com deficiências intelectual, múltipla e do espectro autista de Divinópolis e região.
 
Para contribuir com a instituição, localizada na rua do Cobre, 697, no bairro São João de Deus, basta acessar o site institutohelenaantipoff.org.br/doacoes ou pelo telefone (37) 3221-2001.
 

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!