Publicidade

Câmara nomeia comissão para averiguar denúncia de servidor

Postado em 03/02/2021 9:51

Durante a reunião ordinária desta terça-feira (02), o vereador Rodyson Kristnamurti (PV) denunciou, em seu pronunciamento, o caso de um servidor público que, em suas redes sociais, acusou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) de omissão de atendimento, em Divinópolis.

No vídeo, o servidor Ramon Peres da Silva Dutra, do Serviço Municipal de Luto, alegou que recebeu o chamado de um atendimento posterior à omissão do SAMU. “Há muita contradição neste caso. O Conselho Regional de Medicina é claro: não é obrigação do SAMU atender casos de Declaração de Óbito. Dessa forma, o servidor colocou em xeque o trabalho do SAMU, da Prefeitura e do Serviço Municipal de Luto”, afirma Rodyson.

O vereador confirma que Ramon será chamado pela Casa para dar esclarecimentos. “A função do vereador é fiscalizar. Essa denúncia é muito séria. O SAMU tem todas as ligações que essa família fez gravadas em seus arquivos. O servidor terá que provar essa omissão de atendimento”.

Advertisement

 

VEREADORES NOMEADOS

Ao final da reunião ordinária, o presidente Eduardo Print Júnior (PSDB) nomeou três vereadores para a Comissão de Investigação: Rodyson Kristnamurti (PV), Lohanna França (Cidadania) e Ney Burger (PSB).

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
plataforma ead
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!