Publicidade

Novas informações sobre homicídio passional em Carmo do Cajuru

Postado em 12/08/2020 23:51
Publicidade

Hugo Henrique Souza, 33 anos, Maria Helena Ferreira Nunes, de 40 anos

Carmo do Cajuru foi palco de um dos crimes mais revoltantes de 2020. Durante o começo da tarde de hoje (12), a trabalhadora Maria Helena Ferreira Nunes, de 40 anos, foi baleada dentro de sua casa, no bairro Vitória.

O autor Hugo Henrique Souza, de 34 anos, era companheiro da vítima. O homem chegou à residência com uma arma de fogo ilegal. Sem avisos, proferiu disparos contra Maria Helena. Em seguida, atirou contra a própria cabeça cometendo suicídio.

Maria Helena chegou a ser resgatada com vida, mas não resistiu aos graves ferimentos e faleceu na Sala Vermelha do Complexo de Saúde São João de Deus.

O casal passava por problemas de relacionamento e estava em processo de separação. O assassino Hugo Henrique apresentava histórico de dificuldades em convívios sociais.

Popularmente conhecida como “Helena do Táxi“, a mulher era trabalhadora do ramo de transportes de pessoas em Carmo do Cajuru.

O feminicídio abalou moradores. A cidade está de luto.

Homem atira em própria esposa em Carmo do Cajuru

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!