fbpx
Pular para o conteúdo
  • Home
  • Divinópolis
  • Personalidades de Divinópolis: Quem foi Dona Antônia Valadares?

Personalidades de Divinópolis: Quem foi Dona Antônia Valadares?

Image
Escola Estadual Dona Antônia Valadares- foto: arquivo da escola

O Portal MPA traz a história de Dona Antônia Valadares, a terceira homenageada da série de reportagens especiais sobre as personalidades de que dão nomes a locais importantes de Divinópolis, que completará 112 anos no próximo sábado, 1° de junho.

Para entender a história de Dona Antônia Valadares, é necessário, entender como a Escola Estadual Dona Antônia Valadares, surgiu em Divinópolis. Dessa forma, a escola foi criada em 1944 por um ato do ex-governador Benedito Valadares. Essa denominação da escola surgiu em homenagem à mãe do Benedito, que se chamava Antônia Valadares Ribeiro.

Neste ano, a Escola Estadual Dona Antônia Valadares completa 80 anos. O atual diretor, Jonas Costa, e toda a equipe, trabalham com uma política de respeito e diálogo, em um trabalho total de desenvolvimento do aluno enquanto indivíduo. “A escola funciona em três turnos. Formamos cidadãos conscientes e capazes de viver em sociedade. A escola atende cerca 1.500 alunos distribuídos no ensino regular, médio, educação de jovens e adultos; tem curso técnico de libras e ainda conta com 140 funcionários”, disse Jonas.

O diretor ainda afirmou que a escola é reconhecida por oferecer, na etapa final da educação básica, a formação geral do educando com vistas a prepará-lo para o exercício de cidadania. No entanto, a Instituição localizada na avenida Sete de Setembro, no Centro do município, incentiva os alunos na construção de uma sociedade igualitária, sem discriminação de qualquer espécie, desenvolvendo o senso crítico, moral e de cooperação, pois a escola possui diversidade econômica, cultural e social entre os alunos, recebendo estudantes de todos os bairros da cidade.

“Os professores são na maioria efetivos e compromissados com uma educação de qualidade. Toda comunidade escolar busca adequar sua prática educacional de forma atender as mudanças atuais. O objetivo é manter uma escola aberta ao diálogo e à participação da família, por meio de projetos socioeducativos, adequando-os à realidade dos estudantes”, acrescentou o diretor Jonas.

Anteriormente, a escola Dona Antônia Valadares, funcionava no prédio onde hoje é o museu de Divinópolis, na Praça da Catedral. Alguns anos depois, passou a funcionar no prédio “Aleijadinho” e depois na avenida Sete de Setembro.

Vários projetos já foram desenvolvidos na escola, mais alguns fazem parte do calendário anual: fanfarra, a festança da Dona Tonha, feira de ciências, júri simulado, jogos de interclasse, ações de convivência democrática, experimentos de química, viagens culturais, shows de talentos e muito mais.

Acompanhe depoimento do diretor Jonas Costa, dos professores e demais funcionários; e saiba mais sobre a história da E.E Dona Antônia Valadares:

Conheça a história do ex-governador Benedito Valadares que homenageou a escola Dona Antônia Valadares, com o nome da mãe:

Benedito Valadares Ribeiro nasceu em Pará de Minas, no dia 4 de dezembro de 1892, filho do tenente-coronel Domingos Justino Ribeiro, e de Antônia Valadares Ribeiro. Seu avô, Francisco Cordeiro dos Campos Valadares, foi deputado provincial no Império. Seus tios, Martinho Álvares da Silva Campos e Benedito Cordeiro da Cunha Valadares, foram, respectivamente, presidente do Conselho e deputado no Império e na República.

Fez os estudos primários em sua cidade natal e os secundários no Colégio Dom Viçoso, em Belo Horizonte. Diplomou-se mais tarde pela Escola de Odontologia de Belo Horizonte, não chegando, porém a exercer a profissão. Transferido para o Rio de Janeiro, então Distrito Federal, matriculou-se na Faculdade de Direito. Durante o curso, trabalhou em vários estabelecimentos de ensino da capital federal, entre os quais o Instituto Lafayette e o Colégio Alfredo Gomes, primeiro como inspetor de alunos, depois como professor.

Em 1920 bacharelou-se em ciências jurídicas e sociais, retornando então a Pará de Minas, onde exerceria a advocacia por um período de 13 anos, até 1933. Nesse período iniciou também a carreira política como vereador em sua cidade, posteriormente, deu continuidade na área da política.

Escola Estadual Dona Antônia Valadares- foto: arquivo da escola
ex-Governador Benedito Valadares foto arquivo da escola
5 1 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x