Publicidade

“Auxílio emergencial trará um pouco de dignidade aos brasileiros para que possamos vencer a pandemia”, diz senador Carlos Viana

Postado em 19/03/2021 13:00

O governo Federal entregou, nesta quinta-feira (18), a Medida Provisória com as regras e valores para o pagamento do auxílio emergencial que começará no mês de abril.

Segundo o texto da MP, o auxílio será pago em quatro parcelas, com valores de R$ 150 (pessoa que mora sozinha), R$ 250 (para famílias com mais de uma pessoa chefiadas por homem) e R$ 375 (para famílias chefiadas por mulheres apenas). Só receberá o novo auxílio quem já recebeu no ano passado e, portanto, já está inscrito nos cadastros públicos. Neste ano, apenas uma pessoa da família receberá o benefício.

A estimativa do Governo Federal é de que aproximadamente 46 milhões de brasileiros receberão o auxílio. Para o senador Carlos Viana (PSD-MG), a chegada deste dinheiro é mais do que essencial ao país. “O valor não é maior, como no passado, mas é um valor que é possível pagar para ajudar que as famílias possam ter um pouco de dignidade.” ressalta o parlamentar, ao lembrar que, quando há a união de todos, deixando as questões partidárias e ideológicas de lado, é possível aprovar medidas para fazer com que o Brasil possa melhorar.

Advertisement

O senador explicou que o auxílio foi concedido após um planejamento de todos os envolvidos, Presidência da República, Ministério da Economia, Senado Federal e Câmara dos Deputados, para ajudar milhões de brasileiros sem colocar as contas públicas do Brasil em risco. Para esta rodada do auxílio, foram disponibilizados, por meio de autorização do Congresso, a usar R$ 44 bilhões.

 

 

The post “Auxílio emergencial trará um pouco de dignidade aos brasileiros para que possamos vencer a pandemia”, diz senador Carlos Viana first appeared on Portal Amirt.

Postado originalmente por: Portal AMIRT

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
plataforma ead
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!