Rascunhos da Vida

Rascunhos da Vida: Nunca deixe de orar.

Postado em 07/01/2020 6:00

Orar, rezar, buscar a Deus em pensamento, em palavras, no coração, nas atitudes, pela fé, com esperança, com convicção, certeza, alegria. A oração vence barreira, destrói aquilo que nos impede de vencer as crises da vida.

Mateus 6.5-8

Tem textos bíblicos que as vezes travam nossa mente. Um texto intrigante para mim em minha adolescência é este de hoje.

Retirado do Site: https://pt.freeimages.com/photo/anybody-listening-1563751

Ao ler e reler inúmeras vezes entendi que não poderia repetir as mesmas palavras numa oração. Como tinha um tio que muito amava tentei orar por sua conversão trocando as palavras por sinônimos.

“Pai converta meu tio”, “quebrante seu coração”, “dê-lhe possibilidade de um encontro pessoal com o Senhor”, entre outras. Em certas ocasiões precisei de um dicionário para usar palavras de sentido semelhante. Isso foi uma loucura. Um grande, erro de interpretação bíblica.

Mas ainda adolescente revi o texto com outros olhos e mais tarde compreendi o significado no texto original.

Battologeö” é uma palavra derivada de “báttos” (gago), ou seja a palavra para “vãs repetições” significa tagarelar tediosamente, falar insensatamente, falar sem demonstrar conteúdo ou reflexão (repetindo inutilmente as mesmas palavras), um discurso inútil por faltar expressão e propósito.

Jesus não desejava que inventássemos novas palavras ou que orássemos com um dicionário a “tira colo”, e sim que nossas palavras (na oração) fossem carregadas de sentimentos de fé e esperança transmitidos em frases com reflexão.

Pelo meu tio só deixei de fazer a mesma oração quando este veio a falecer. Mas tenho muitos outros motivos de oração, que repito constantemente refletindo como será maravilhoso se minhas orações forem ouvidas.

Pense nisso e não deixe de orar por aqueles motivos cuja intervenção de Deus fará a diferença.

Fraternalmente, nos eternos laços do amor de Cristo.

Rodrigo Fonseca Andrade
Um servo que repete as orações não como um “mantra” mas como uma expressão de fé no Deus do impossível

Veja também
<
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
Autor do blog: Rodrigo Fonseca Andrade

Rodrigo Fonseca Andrade é um microempreendedor, teólogo e professor de línguas clássicas (Grego Koinê e Hebraico Massorético). Casado com Sílvia e pai de João Victor e Isabelle. Com formação em Tecnologia, Meio Ambiente e Teologia. Tem como objetivo principal tornar o conhecimento teológico simples e abrangente. Sendo assim demonstra através de fatos da vida como Deus é soberano e dirige nossa história pessoal. Neste blog você lerá, lembrará e se identificará com muitos dos fatos bíblicos exemplificados de forma simples e objetiva.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: Este conteúdo é protegido!