Conselho gestor cobra término das obras da Copasa em Divinópolis

Postado em 27/12/2019 17:50

O atraso nas entregas de obras por parte da empresa responsável por executar manutenções das vias em Divinópolis, está sendo fiscalizado por um grupo gestor. Numa reunião hoje pela manhã, a Copasa teve de apresentar um novo cronograma e se não seguir à risca, a companhia poderá ser penalizada.

As reuniões do grupo gestor estão previstas e uma cláusula contratual. Essa é a terceira reunião do grupo. A Copasa enviou o superintendente da Unidade de Negócio Centro, João Martins.

A empreiteira Artec teve o contrato rescindido em novembro com a Copasa, devido ao não cumprimento das obras dentro dos prazos planejados. Ficaram serviços pendentes, como a recomposição de pavimentos.

No encontro, a Copasa divulgou novos cronogramas, como o prazo para a implantação da unidade de tratamento de resíduos do rio Itapecerica. O investimento será de 4 milhões de reais e a conclusão do serviço está prevista para maio do ano que vem. Já em relação às obras do sistema de esgotamento sanitário de bairros na região do serra verde, o serviço deverá ser concluído em março de 2020.

O grupo gestor irá fiscalizar o andamento das obras dentro do novo cronograma divulgado pela Copasa, a princípio, num prazo de 12 meses.

 

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: Este conteúdo é protegido!