Publicidade

Justiça toma decisão final sobre briga milionária entre Wesley Safadão e o tio

Postado em 13/08/2020 8:06

Wesley Safadão Banda Garota Safada

O cantor Wesley Safadão se envolveu numa nova grande polêmica na Justiça, conforme já havia sido compartilhado aqui no seu Área VIP. Na ocasião, Emanuel Hélio Eduardo de Oliveira, tio do músico, movimentou um processo por volta de 2011, onde a ação seguiu em julgamento na 34ª Vara Cível da comarca de Fortaleza, no Ceará.

O motivo? A mãe de Safadão, Maria Valmira Silva De Oliveira, conhecida como Dona Bill, descumpriu um acordo feito em consenso com a família por volta de 2003, no qual vinha com o direito de lucros obtidos por alguns shows feitos aos sábados pelo Garota Safada, a banda que trouxe o reconhecimento nacional do cantor e que permanece na estrada com ele até hoje.

Desta vez, um novo capítulo da briga judicial foi compartilhada. De acordo com informações obtidas pelo jornalista Erlan Bastos, a Justiça decretou que Emanuel não conseguiu apresentar provas das supostas dívidas que Dona Bill e Safadão teriam travado com ele, após o próprio ter destacado um acordo que já estava chegando ao valo de R$ 40 milhões.

Sendo assim, a ação foi descartada pela falta de provas suficientes, incluindo uma determinação para que Emanuel pagasse os advogados do cantor. O juiz do caso, Tacio Gurgel Barreto, decretou então o benefício da Justiça gratuita, no qual descarta o pagamento da ação. Por fim, Safadão recebeu uma multa no valor de 10 salários mínimos por “atentatório à dignidade da Justiça”.

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!