Dispositivo desenvolvido em Divinópolis pela UFSJ, é capaz de ajudar no diagnóstico de câncer

Postado em 15/10/2019 12:35

Pesquisadores da Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ), do campus Dona Lindu em Divinópolis, região Centro-Oeste, desenvolveram um dispositivo capaz de diagnosticar câncer de pele e de boca.

Essa pesquisa se tornou a primeira da história da universidade a ser patenteada e, dentro de dois anos já deve estar no mercado, licenciada e produzida por uma empresa de grande porte.

O dispositivo funciona como uma régua que mede as lesões orais e dermatológicas e ainda são classificados, podendo ser, Tumor, Nódulos e Metástases. Esse item será de muita importância para o combate ao câncer, pois quanto mais cedo á o diagnóstico,  melhor é para o início do tratamento.

O desenvolvimento desse item inovador foi realizado durante o mestrado de biotecnologia de Sérgio Andrade, com orientação do professor e doutor Fernando de Pilla Varotti, que contribuirá para a UFSJ, através do recebimento de dos royalties.

Segundo os desenvolvedores, foram feitos contatos de empresas nacionais e multinacionais, porém o contrato com uma empresa nacional fomentaria a indústria e daria benefícios à comunidade.

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: Este conteúdo é protegido!