Publicidade

Covid-19: Nova Serrana teve 11 confirmações de óbito em 24 horas

Postado em 30/09/2020 21:34

De acordo com o Jornal Gazeta de Nova Serrana, o cenário epidemiológico em relação ao novo coronavírus é de estado de alerta. O Jornal apurou com a Secretária Municipal de Saúde, Glaucia Sbampato, nesta quarta-feira (30), que em apenas 24 horas, a Prefeitura teve a confirmação de 11 novos óbitos em decorrência da doença. Ou seja, são 28 mortes até o momento. A cidade conta com apenas mais cinco leitos de CTI disponíveis.
 
Uma situação que ainda pode ser mais alarmante é que a Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) divulgou na última segunda-feira (28), que a cidade tem 31 mortes confirmadas até o momento. Essas as últimas mortes ainda não foram adicionadas ao balanço municipal. 
 
A cidade de Nova Serrana além de receber pessoas de toda parte do país, é cortada pela rodovia BR 262 e movimenta intensamente o transporte, especialmente de mercadorias (matéria prima chegando e calçados saindo), esse trabalho também exercido por pessoas de diversas partes do Brasil. Neste contexto social, o isolamento social é importante, mas os cuidados individuais essenciais e não é possível contar com a sorte.
 
O próprio prefeito da cidade, Eusébio Lago está com o coronavírus, isolado desde o início dos sintomas e já foi medicado na UPA da cidade e também no atendimento médico em Divinópolis. Lago garante sempre usar máscara, tomar todos os cuidados, mas certamente cometeu algum descuido, o suficiente para a infecção.
 
Esse é o cenário da cidade, uma movimentação intensa de pessoas e mercadorias, não sendo possível especificar onde é mais propício a contaminação, pois a cidade é movida pela circulação de pessoas. As mercadorias passam em várias mãos e por isso todo o cuidado não é exagero. A cidade também registra grande movimentação em bares e quadras esportivas.
 

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!