Vereador de São Lourenço suspeito de participar de ‘rachadinha’ é preso em Oliveira

Postado em 13/11/2019 9:52

O vereador de São Lourenço (MG) Paulo Gilson Chopinho de Castro Ribeiro (PSC) foi preso na manhã de terça-feira, 12, na cidade de Oliveira. Ele é acusado de participar de esquema de “rachadinha”, que é um esquema que a pessoa é beneficiada com um cargo, mas devolve parte do salário em troca. O parlamentar também era considerado foragido.

Após chegar no ministério público a denúncia sobre envolvimento do vereador  no esquema, o promotor Leandro Pannaim, o vereador e também um ex-prefeito teriam usado a influência para nomear conhecidos no serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) e, assim, receber parte dos salários deles.

Após chegar no ministério público denúncias sobre o esquema e as investigações, o Ministério Público fez uma operação para identificar os agentes públicos envolvidos. E com a ajuda das polícias Civil e Militar, cumpriu três mandados de busca e apreensão, em que foram encontrados quase R$ 12 mil em dinheiro, além de 76 cheques de mais de R$ 161 mil.

O Ministério Público denunciou quatro pessoas por associação criminosa, corrupção ativa, tráfico de influência, favorecimento real e extorsão. Entre elas, o vereador, que teve a prisão preventiva decretada, e foi preso na terça-feira, 12.

A Câmara de São Lourenço, não foi comunicada oficialmente da prisão do vereador e afirma que não tem envolvimento no processo.

Foto: Câmara Municipal de São Lourenço

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: Este conteúdo é protegido!