fbpx
Pular para o conteúdo
  • Home
  • Oliveira
  • Mãe de rapaz que confessou ter matado o pai em Oliveira é presa

Mãe de rapaz que confessou ter matado o pai em Oliveira é presa

Mãe de rapaz que confessou ter matado o pai em Oliveira é presa
Mãe de rapaz que confessou ter matado o pai em Oliveira é presa Foto: rádio DC2FM

Na quarta-feira (6), a Polícia Civil prendeu temporariamente Maria Clara, de 57 anos, esposa do operador de máquinas, Nivaldo Mendonça, de 61 anos, encontrado morto em área de vegetação na Avenida Euclides Ribeiro, próximo aos bairros Acácio Ribeiro III e Pedra Negra, em Oliveira- MG, no dia 26 de novembro. O corpo de Nivaldo foi encontrado no domingo (26), pela Polícia Militar e Bombeiros, após denúncia anônima.

Após ser apontado como o principal acusado do crime, o filho de Nivaldo, Lucas Vinícius Mendonça, de 27 anos, já tinha se apresentado na delegacia e confessou o crime. Ele disse a Polícia que agiu sozinho. Lucas permanece detido no Presídio de Oliveira.

Advertisement

Como parte das investigações, na ontem (6), a Polícia Civil prendeu, a Maria Clara, esposa de Nivaldo. Conforme informações da rádio DC2 FM de Oliveira, o delegado que investiga o caso, Flávio Braga, ressaltou que a prisão temporária de Maria Clara, ocorre para esclarecer se a investigada teve participação no crime. “É preciso que a mãe seja ouvida e dê esclarecimentos de algumas questões.”, disse o delegado.

Existe também a possibilidade de acareação, que é um procedimento previsto tanto no Código de Processo Civil quanto no Código de Processo Penal, cuja finalidade é a apuração da verdade, por meio do confronto entre partes, testemunhas ou outros participantes de processo judicial, que prestaram informações prévias divergentes.

Advogados de defesa:

Em entrevista a rádio DC2 FM, o Geraldo Lucas Andrade Dias e o Marcos Alexandre, que são os advogados de defesa do Lucas e da Maria Clara, explicaram que “essa situação da prisão preventiva de Maria Clara, de acordo com o que a legislaçao penal fala, ela não deveria existir. Nós estamos tentando evitar que essa injustiça se perpetua. De imediato, o que nós temos a dizer, é que a Maria Clara é uma vítima de violência doméstica que foi presa sem motivo, sem ter participado de nenhum crime. Além dela ter sido agredida pelo marido, ela esta sendo agredida pela Justiça”, informaram os advogados de defesa.

Sobre o Lucas, os advogados informaram que ele se apresentou de forma espontaneamente. “Ele se apresentou e nós esperamos por 4 horas para que ele fosse ouvido. Ele explicou muitas informações para a Polícia, e se colocou a disposição da justiça”, disseram.

Sobre a possibilidade de acareação do crime, os advogados relataram que não tem informação oficial sobre acareação e por enquanto vão aguardar a decisão, para se posicionarem em seguida.

Mãe de rapaz que confessou ter matado o pai em Oliveira é presa
Mãe de rapaz que confessou ter matado o pai em Oliveira é presa Foto: rádio DC2FM

mobile