Publicidade

Panorama: Se o prefeito odeia multas ele tem o poder para acabar com elas, basta transformar os agentes em servidores educativos

Postado em 13/07/2021 9:58

O episódio do prefeito Gleidson Azevedo (PSC) com o agente de trânsito de Divinópolis continua gerando repercussão. O fato foi tema do quadro Panorama exibido todas as terças-feiras no programa Bom Dia Divinópolis da Minas FM e TV Candides. O ex-deputado federal Fabiano Tolentino fez criticas ao prefeito, mas disse que se ele odeia multas o prefeito tem o poder discricionário de solucionar o problema.

Fabiano disse que o poder de multas é facultativo. O estado da aos municípios esta autonomia para operar. Se o prefeito Gleidson tiver o interesse em acabar com as multas, basta fazer um projeto de lei e enviar para Câmara. O projeto pode transformar os agentes apenas em servidores educativos tirando o poder de punição. Porém o prefeito precisa ter consciência que a cidade perderá a receita gerada pelas autuações. Atualmente é arrecadado cerca de 3 milhões por ano.

No video publicado nas redes sociais o prefeito Gleidson Azevedo aborda o agente de trânsito quando ele fazia o trabalho de fiscalização. No vídeo o prefeito diz que vai rasgar a multa se ela for aplicada. Gleidson ainda afirma na gravação que odeia multa. O coordenador dos agentes chega no local e explica que a fiscalização no local é necessária. A atitude do prefeito é uma resposta a Câmara Municipal de Divinópolis. O vereador Ademir Silva (MDB) fez criticas ao projeto de informatização do rotativo. O receio do parlamentar é que o número de multas aumente.

Advertisement

 

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
plataforma ead
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!