Publicidade

Artistas e ativistas brasileiros repercutem caso de violência animal em Divinópolis

Postado em 19/01/2019 17:35
Publicidade

A reportagem do Sistema MPA denunciando um episódio de espancamento de um cachorro ganhou destaque nacional.

Um divinopolitano de nome C.A. publicou um vídeo nas redes sociais no qual ele próprio aparecia torturando um cachorro vira-lata. O cão era agredido com vários golpes de bastão. Em seguida, o animal gravemente ferido foi arremessado para o Rio Pará, onde foi levado por uma correnteza.

Na publicação, o homem se justificou afirmando que o cão invadira seu galinheiro.

Repercussão

Muitos ativistas, artistas e pessoas comuns do Brasil todo estão a comentar o episódio exigindo punição ao agressor.

 

Ativista ambiental e jornalista, Luíza Mell empenhou-se em denunciar o episódio.

 

O Crime

O fato ocorreu na Cachoeira do Caixão, zona rural divinopolitana onde corre o Rio Pará. Testemunhas afirmam que se depararam com o vídeo postado hoje nas redes sociais do suspeito. Porém, em conversa com a equipe de reportagem do Sistema MPA, o acusado alegou que o fato ocorrera há cerca de seis meses.

A Polícia Civil investiga o caso e voltaremos a qualquer momento com mais informações.

 

Cenas da selvageria revoltaram o Brasil.

 

 

 

Divinopolitano espanca cachorro e posta vídeo em redes sociais

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!