PM prende acusados de desavenças entre gangues e evita homicídio

Postado em 16/03/2020 10:47

Na tarde de domingo, 15, na Rua José Guimarães de Faria, bairro Recanto da Lagoa, em Pará de Minas, a Polícia Militar apreendeu 01 revólver calibre 32, 07 munições do mesmo calibre e um veículo. Foram presos 04 suspeitos, sendo um de 19 anos, dois de 20 e outro de 23, suspeitos de envolvimento em disparo de arma de fogo contra desafetos ligados ao tráfico de drogas.

Pela manhã de domingo, a Polícia registrou uma ocorrência, na Av. Pe. José Viegas, bairro Recanto da Lagoa, em Pará de Minas, em que ocupantes de um automóvel efetuaram disparos para o alto e em direção a um jovem de 19 anos, envolvido em uma briga de gangues ligadas ao tráfico de drogas naquele bairro. Ele sofreu disparos de raspão em uma das mãos e em uma das pernas.

A Polícia dessa forma, montou uma Operação para tentar encontrar os suspeitos dos disparos e cessar a desavença entre os suspeitos de tráfico, para evitar novos homicídios, sendo estes encontrados na residência da Rua José Guimarães de Faria, onde um deles recebeu os militares de posse de um revólver, momento em que o jogou a arma no telhado da casa de um vizinho, sendo o revólver apreendido. Ele estava com 06 munições.

Os militares encontraram nas proximidades da casa, o veículo GM Vectra, cor vinho com capô preto, usado nos disparos ocorridos pela manhã, sendo que a chave do automóvel estava com um dos suspeitos. No carro foi encontrada mais uma munição do mesmo calibre.

Um deles, J.G.S.V.D., de 20 anos, admitiu que eles estão envolvidos em uma desavença com outro grupo do bairro Recanto, um deles adolescente. Ele admitiu também que esteve envolvido em uma ocorrência de disparos de arma de fogo ocorridos próximo à Penitenciária Pio Canedo, em 11 de março, quando dois dos membros da outra gangue passaram atirando em uma moto, contra ele, no momento em que saía em um Fiat Uno, do local.

Os quatro suspeitos foram presos e conduzidos à delegacia, com os materiais apreendidos. A Polícia continua com as operações para reprimir esta desavença entre os suspeitos e para evitar tentativas de homicídios e homicídios, Militares pedem a população que colabore com informações pelos telefones 190 ou 181, Disque Denúncia.

Foto: PM

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
error: Este conteúdo é protegido!