Publicidade

Padre que desejou morte de fiéis que não vão à Igreja, se arrepende e pede desculpas: ‘Sou pecador’

Postado em 25/08/2020 16:51

O padre Antônio Firmino Lopes Lana, pároco da Paróquia de São João Batista, em Rio Branco, Minas Gerais, criticou fiéis que estão deixando de ir à igreja em meio à pandemia de coronavírus e desejou que eles morram antes da vacina chegar. Depois da repercussão, ele se desculpou pela fala.

Nesta terça-feira, 25, o padre se retratou nas redes sociais e pediu desculpas àqueles que se sentiram ofendidos. “Dado a celeuma que causou um comentário infeliz que eu fiz na missa deste último domingo, eu venho esclarecer. Mais que esclarecer, pedir desculpas me retratar, porque trouxe alguns transtornos. E quem me conhece sabe que eu sou aquela pessoa que luta pela vida, a vida plena”, disse Antônio Firmino. Veja vídeo na íntegra:

.

Clica aqui relembre o caso

 

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!