Enem é adiado e poderá ter redução no número de questões

Postado em 22/05/2020 16:45

Um estudo é feito para reduzir o conteúdo do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) este ano. Uma alternativa seria fazer apenas um dia de prova e por isso o Enem teria menos questões. Hoje são 180 testes e uma redação.

O Inep anunciou nessa quarta (20) o adiamento do exame, que estava marcado para 1.º e 8 de novembro, mas não definiu ainda uma nova data. Mesmo assim, a página do Enem na internet ainda informava até essa quinta-feira (21) que não haveria adiamento.

De acordo com os técnicos, os estudos tentam calcular quantas perguntas podem ser retiradas e também manter a precisão do modelo estatístico, já que as perguntas são calibradas, em testes anteriores, para se saber se são fáceis, médias ou difíceis. A intenção é manter o grau de dificuldade.

Se reduzidas para 30 questões de cada área (Linguagens, Ciências Humanas Ciências da Natureza e Matemática) ou incluir perguntas com enunciados menores para que a prova possa ser feita mais rapidamente. Um Enem “mais leve” é um pedido de entidades de universidades privadas, que veem o adiamento da prova como um problema para o ano letivo de 2021.

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: Este conteúdo é protegido!