Publicidade

Conselhos Deliberativo, Fiscal e Técnico do CIS-URG Oeste aprovam proposta de administração do Hospital de Campanha, no Hospital Regional, em Divinópolis

Postado em 26/03/2021 8:29

O Consórcio Intermunicipal de Saúde da Região Ampliada Oeste para Gerenciamento dos Serviços de Urgência e Emergência (CIS-URG Oeste) recebeu na noite de quarta-feira, 24 de março, um ofício da Secretaria de Estado de Saúde (SES) solicitando o cadastramento de uma proposta, para a assinatura de um Convênio, para obras de adequações serem feitas no Hospital Público de Divinópolis transformando-o em um Hospital de Campanha ao enfrentamento da pandemia da COVID-19.

É importante ressaltar que estes recursos foram anunciados pelo Governador Zema, após reunião com os prefeitos da Região, onde o Prefeito de Divinópolis, Gleidson Azevedo, apresentou a situação de leitos de Divinópolis. Na oportunidade, o Secretário de Saúde de Divinópolis, Alan Rodrigo, apresentou os números da pandemia na região, o que sensibilizou as autoridades do Estado para abrir leitos na Região. O Município de Divinópolis então fez a sugestão da abertura de um hospital de campanha no Hospital Regional. Sendo isso definido em visita técnica com a presença do Prefeito Gleidson, Deputado Estadual Cleitinho Azevedo, Deputado Federal Domingos Sávio e o chefe de gabinete do Secretário de Estado de Saúde, João Márcio Silva de Pinho.

Na tarde de quinta-feira, 25 de março, por meio de videoconferência, os Conselhos Deliberativo, Fiscal e Técnico do CIS-URG Oeste se reuniram para alinhamento sobre o Convênio que tem como objetivo abrir 20 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 40 leitos de enfermaria para pacientes com COVID-19.

O Presidente do Consórcio, Olívio Teixeira, que é também prefeito de Bambuí, enfatiza que o CIS-URG Oeste está tomando as devidas providências para ajudar a viabilizar os leitos, a fim de colaborar com a amenização dessa crise sanitária causada pela pandemia. “Diante da situação que a macrorregião oeste se encontra, com o aumento expressivo dos casos de COVID-19, nós vamos nos empenhar para executar este trabalho tão necessário, que tem o intuito de garantir a assistência para os pacientes que hoje superlotam os nossos hospitais e UPAs, e também aqueles que aguardam por uma vaga”, reforça.

Advertisement

A proposta apresentada na reunião foi aprovada por unanimidade pelos Prefeitos e Secretários de Saúde participantes e o CIS-URG dá seguimento na obtenção dos documentos solicitados pela SES. “Estamos trabalhando intensamente na junção dos documentos pedidos pela SES para envio o mais rápido possível e após a assinatura do Convênio, o prazo previsto de início do funcionamento do Hospital de Campanha é de aproximadamente 30 dias”, destaca José Marcio Zanardi, Secretário Executivo do CIS-URG Oeste.

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
plataforma ead
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!