Com nova MP, governo ajudará empresário a garantir até 2/3 dos salários de empregados em setores mais afetados

Postado em 23/03/2020 20:57

O Antagonista apurou que a nova versão da MP 927 prevê, além da livre negociação do funcionário com seu empregador, a suplementação dos salários dos afetados.

O empresário que quiser suspender o contrato de trabalho, mas manter o empregado, poderá cortar até 50% do salário e o governo pagará mais 25%.

No caso de setores mais afetados, como hotelaria e alimentação (bares, restaurantes etc), companhias aéreas, entre outros, o empregador pagaria 1/3 do salário e o governo cobriria outro 1/3.

Ou seja, o funcionário continuaria recebendo pelo menos 2/3 do que recebia, mantendo o emprego.

Por exemplo: o empregado recebia R$ 2,1 mil. Com a suspensão, o empregador pagará R$ 700 e o governo outros R$ 700, totalizando R$ 1,4 mil.

As despesas reservadas para esse fim devem somar R$ 10 bilhões por mês, segundo cálculos da equipe econômica. O limite para o benefício seriam aqueles funcionários que ganham até dois salários mínimos.

fonte: https://www.oantagonista.com/brasil/com-nova-mp-governo-ajudara-empresario-a-garantir-ate-2-3-dos-salarios-de-empregados-em-setores-mais-afetados/

SEGUNDA-FEIRA 23/03/2020: Veja um resumo das ultimas noticias do coronavírus em Divinópolis e região

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: Este conteúdo é protegido!