Sede do Conselho Tutelar de Divinópolis está com condições de trabalho insalubres, diz Sintram - Portal MPA

Publicidade

Sede do Conselho Tutelar de Divinópolis está com condições de trabalho insalubres, diz Sintram

Postado em 30/12/2021 15:00

Na inspeção, o Sintram registrou a má conservação da sede do Conselho. Foto: Comunicação Sintram

 

A diretoria do Sindicato dos Trabalhadores Municipais de Divinópolis e Região Centro-Oeste (Sintram) esteve em inspeção, nessa terça-feira, 28, na sede do Conselho Tutelar, localizada no bairro Esplanada, em Divinópolis. Segundo o sindicato, durante a averiguação, foi constatado que uma das salas está tomada por infiltrações e mofo.

O Sindicato foi representado pela presidente, Luciana Santos, pelo vice-presidente, Wellington Silva, e pela diretora de formação sindical, Geise Silva. 

 

De acordo com o vice-presidente do Sindicato, no dia 24 de novembro, a coordenadora do Conselho Tutelar solicitou à Prefeitura, por meio de ofício a reforma do local, onde é feito atendimento aos usuários, e a permanência de arquivos. No documento endereçado à Secretaria Municipal de Governo, a servidora explica que a sala foi danificada devido ao entupimento das calhas de vazão de água do telhado, o que ocasionou o transbordamento e a infiltração nas paredes. Além das paredes danificadas e da proliferação do mofo, a infiltração danificou o piso da sala, tornando o lugar insalubre para os servidores e os usuários.

“Não é preciso entrar na sala para sentir o cheiro do mofo, de longe é possível perceber que a sala está tomada pelo bolor, o que torna o local insalubre para os servidores e os usuários”, reforça Wellington.

Ainda segundo o vice-presidente do Sintram, a vice-prefeita de Divinópolis e secretária municipal de governo, Janete Aparecida respondeu a solicitação da coordenadora do Conselho Tutelar no dia 29 de novembro, e disse que o Município não dispunha de recursos para realizar a reforma. Na resposta, a secretária informa que a falta de verba para fazer as melhorias não impede que futuramente o pedido possa ser apreciado novamente.

Advertisement

A diretora de formação sindical, Geise Silva, disse que o sindicato irá tomar providências para resguardar a saúde dos servidores. “É inadmissível que a Prefeitura mantenha servidores trabalhando em condições insalubres. A Defesa Civil de Divinópolis esteve na sede do Conselho Tutelar em outubro e constatou diversas irregularidades no local. O Sintram vai oficiar a administração sobre as condições do local, caso a Prefeitura não solucione esse problema, nós iremos acionar o nosso jurídico para que as medidas cabíveis sejam tomadas”, destacou a diretora.

De acordo com a presidente do Sindicato, Luciana Santos, os servidores do local informaram que foram trocadas algumas telhas, que estavam fora do lugar. “Quem vai à sede do Conselho Tutelar vê de longe, que o local está insalubre. Na visita, constatamos que o mofo dessa sala já está proliferando em outras salas, e nos foi informado, que não teve reforma de todo telhado, mas sim a troca de algumas telhas que estavam quebradas. O Sintram irá oficiar o Cresst solicitando a emissão de parecer técnico sobre as condições do local e a devida orientação ao gestor municipal para viabilização de um espaço para o imediato remanejo dos servidores. Na próxima semana, o Sindicato vai solicitar também uma reunião com o promotor da Vara da Infância e da Juventude, Casé Fortes, para discutir a situação e tomar as devidas providências”, detalha.

Publicidade
Veja também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
plataforma ead
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade