Cruzeiro vence Corinthians em São Paulo e espanta fantasma do rebaixamento

Postado em 19/10/2019 18:55

O Primeiro Tempo marcou um equilíbrio em seu decorrer por parte de ambas as equipes, porém o Cruzeiro aproveitou melhor os primeiros minutos do jogo, aproveitando o espaço que era criado entre a zaga e o meio de campo do Corinthians, porém, por mais que obteste essa vantagem de jogo não conseguia abrir espaço para uma finalização adequada, ”pecando” em frente ao Gol do Corinthians. O jogo cruzeirense fora destacado pelos personagens; Marquinhos e Gabriel e Egídio que até então faziam uma boa campanha durante esse Primeiro Tempo. O Corinthians por sua vez acertou três bolas na meta e errou cinco destas, o Cruzeiro acertou quatro e errou três. O Corinthians era marcado com uma troca de passes preocupante, o jogador Fagner foi um personagem de destaque desse Primeiro Jogo. Nos minutos finais o Corinthians então conseguiu ampliar sua presença em jogo.
Por mais que o Corinthians abrisse o placar com Fagner contra o Cruzeiro, a Raposa, criando uma boa oportunidade conseguiu um pênalti ao seu favor: Fred abriu o placar para o Cruzeiro, colocando 1 x 1 no placar do jogo. O Corinthians então corria atrás do prejuízo, buscando a vitória e pressionando o Cruzeiro que então buscava defender-se até o desfechar do Primeiro Tempo, mostrando um equilíbrio de jogo entre ambas as equipes.

O Segundo Tempo se iniciou com uma pressão ainda mais constante. Ambas as equipes buscavam o placar da vitória, o Cruzeiro não poderia perder uma vez que se via na fuga contra o Fantasma do Rebaixamento, formulando um esquema tático que se colocasse na vanguarda, a disputa foi acirrada entre ambas as equipes, porém não foi demorado, logo aos vinte e cinco minutos: Éderson fica com a bola isolado no ataque, Marllon para de correr pensando que era impedimento. O volante cruzeirense, com tranquilidade, limpa o goleirão e balança as redes… Em um lance um tanto estranho! Porém o Cruzeiro enfim se via com a vantagem no placar: 2 x 1, em um resultado importante para a Raposa.
O Corinthians então via-se completamente abalado, não conseguindo estruturar-se de maneira organizada sobre o jogo. É válido também lembrar que Fábio Carille foi expulso na Arena por reclamação, deixando o comando técnico corintiano desolado.
O jogo então estava fulminante, o Corinthians se posicionava no tudo ou nada enquanto o Cruzeiro buscava manter seus setores defensivos, abrangendo uma perspectiva defensiva como também ofensiva notável, aproveitando bem os conta-ataques e fazendo com que o Corinthians entrasse em ”desespero”.
Os quatro minutos de acréscimos entregue pela arbitragem marcavam uma vitória cruzeirense em São Paulo. O time mineiro procurava enfim manter o jogo, o Corinthians em desorganização tinha a maioria dos seus jogadores amarelados. O apito final marcava a vitória do Cruzeiro, fazendo o Cruzeiro enfim respirar no Campeonato Brasileiro.

Você pode acompanhar a nossa transmissão através do facebook, em nossa LIVE

 

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com