Publicidade

Estreia diferente. Cruzeiro inicia neste sábado a Série B do Brasileirão. A Minas FM transmite.

Postado em 08/08/2020 12:53

Começa neste sábado uma caminhada de 38 passos que vai apontar, no fim de janeiro, os quatro times que subirão para a Série A do Campeonato Brasileiro. O Mineirão será o palco para a arrancada de Cruzeiro e Botafogo-SP. Às 19h deste sábado, os times entram em campo na disputa pelos três primeiros pontos na Série B do Brasileiro.

O acesso é uma obsessão para o Cruzeiro. O clube, que passa por grandes problemas financeiros, fez todo o planejamento voltado para a competição nacional. A reconstrução passa pela volta à elite do futebol nacional. Não faltam obstáculos, uma vez que a equipe inicia a Série B com seis pontos negativos, após punição imposta pela FIFA. No Campeonato Mineiro, o time não conseguiu se classificar às semifinais.

O Botafogo-SP, que terminou a edição passada da Série B na nona colocação, mira melhor campanha para brigar pelo G-4. No Campeonato Paulista, a equipe escapou do rebaixamento na última rodada. Porém, ganhou novo gás com a chegada do técnico Claudinei Oliveira e alcançou as semifinais do Troféu do Interior. Duas contratações foram feitas até o momento, do volante Elicarlos (ex-Chapecoense) e do lateral-direito Jeferson (ex-Ponte Preta).

A base escalada por Enderson nos jogos contra URT e Caldense, neste retorno do futebol, será mantida para a estreia na Série B. O capitão Léo, fora desses dois jogos por conta de um falso positivo para Covid-19, volta para formar dupla de zaga com Cacá. Na lateral esquerda, a tendência é que Giovanni, contratado a pedido do treinador, assuma de vez a titularidade. No ataque, recuperado de dores lombares, Moreno deve voltar ao time. Se não der para ele, joga Thiago.

Provável Cruzeiro: Fábio; Cáceres, Cacá, Léo, Giovani; Jadsom, Ariel Cabral; Régis, Stênio, Maurício; Marcelo Moreno – Técnico: Enderson Moreira

O Pantera chega à Série B com um pouco mais de esperança do que havia durante a paralisação do calendário, por causa da pandemia do novo coronavírus. Apesar do sufoco para não ser rebaixado no estadual, o time conseguiu duas vitórias, um empate e teve apenas uma derrota na retomada. Foi eliminado nos pênaltis do Troféu do Interior pelo Bragantino, que terminou como campeão.

Claudinei tem os mesmos três problemas desde o retorno do futebol, o meia Wesley e os atacantes Francis e Dodô estão se recuperando de lesões. O time que foi eliminado pelo Massa Bruta deve ser o mesmo que inicia a partida contra a Raposa. O meia Matheus Anjos e o atacante Wellington Tanque esperam repetir a boa parceria que rendeu quatro gols em quatro jogos.

Quem está fora: Wesley, Francis e Dodô (machucados)

Provável Botafogo-SP: Darley; Valdemir, Robson, Jordan, Gilson; Victor Bolt, Naldo; Matheus Anjos, Ronald, Rafinha; Wellington Tanque- Técnico: Claudinei Oliveira

Alisson Sidnei Furtado apita o confronto, auxiliado por Fábio Pereira e Cipriano da Silva Sousa. Todos são de Tocantins. O quatro árbitro é Michel Patrick Costa Guimarães.

A Minas FM 104,1 transmite a partir das 18h00, com Leo Lasmar, Oliveira Lima e Gustavo Freitas. Acompanhe também no www.radiominasfm.com.br facebook.com/minasfmdivinopolis you tube Minas FM e pelo aplicativos radiosnet, procurando por rádio Minas.

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!