Limpa no Cruzeiro gera queda significativa na folha salarial

Postado em 28/01/2020 16:44

Cruzeiro diminuiu drasticamente sua folha salarial de R$15 milhões para R$9 milhões mensal. Isso ocorreu devido a saída de vários jogadores que tinham salários altos. Jogadores como Ezequiel (Botafogo) e Pedro Rocha (Spartak Moscou) tiveram seus contratos de empréstimos expirados e não renovados. Thiago Neves (Grêmio) e Egídio (Fluminense) saíram por custo zero. Marquinhos Gabriel (Athletico-PR), Sassá (Coritiba), Henrique (Fluminense), Joel (CS Marítimo-POR), Digāo (Fluminense), Jádson (Bahia), Victor Luiz (Vila Nova-MG), Patrick Brey (Ferroviária-SP), Renato Kayser (Atlético-GO), Manoel (Trabzonspor-TUR) e Orejuela (Grêmio) saíram por empréstimo. David, Rafael, Fabrício Bruno e Dodô rescindiram/rescindirão o contrato. Houve também mais de 100 demissões extra campo que ajudaram o clube a reduzir a folha salarial.

O Cruzeiro continua trabalhando para decidir as situações de outros jogadores que possuem ainda contrato com o clube e diminuir ainda mais a folha salarial do clube. Dedé, Ariel Cabral, Rodriguinho e Fred são os jogadores que ainda não estão com seus futuros definidos. Robinho, Fábio, Léo e Edílson aceitaram a readequação.

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: Este conteúdo é protegido!