Publicidade

América começa a se preparar para o Campeonato Mineiro

Postado em 10/02/2021 10:56

Com o calendário apertado por conta do prolongamento da temporada de 2020, muitos clubes vão começar os campeonatos estaduais com equipes alternativas. No América-MG não será diferente. As três primeiras rodadas do campeonato mineiro serão disputadas por jogadores que pouco atuaram pela equipe principal.

Essa pode ser a brecha necessária para que uma das marcas histórias do clube apareça ainda mais: a força das categorias de base. O grupo formado por 23 atletas, que se reapresentou no primeiro dia de fevereiro, tem média de idade 19,9 anos e conta com joias, como Carlos Alberto, jogador chamado para a Seleção sub-20, e Goldeson, que possui multa rescisória milionária.

Advertisement

A formação de jovens jogadores vem sendo, inclusive, elogiada pelo técnico Lisca, que já citou nominalmente alguns daqueles que estão em pré-temporada no CT Lanna Drumond

“Temos muitos jogadores treinando muito bem: Lucas Gabriel, Kawê, Gustavinho, Carlos, Goldeson. Tem bastante trabalho para fazer, para evoluir. O clube já começou a construir o campo novo, que está quase pronto, o projeto do Planeta América está andando, declarou o treinador após a partida contra o Náutico, que garantiu o acesso para a Série A.”

De todos que estão fazendo a pré-temporada no CT Lanna Drumond, aquele que tem mais jogos como titular do América é Jori. O goleiro, de 25 anos, formado nas categorias de base do clube, iniciou 28 jogos defendendo a meta do Coelho, mas perdeu espaço para Airton durante a campanha da Série B de 2018. Hoje, o titular da meta é Matheus Cavichioli.

Léo Lang, de 22 anos, e Robson, de 20, também estão treinando para o início do Campeonato Mineiro. Ambos nunca atuaram pelo profissional.

Do lado direito, Thalys, de 21 anos, ficou poucos minutos em campo nas duas partidas em que atuou na Série B de 2020, nas vitórias contra Botafogo-SP e Figueirense. Ronaldo, da mesma idade, também pouco foi aproveitado nos profissionais e fez apenas três jogos no Campeonato Mineiro de 2019.

O cenário se repete na lateral esquerda. Lucas Luan é o mais experiente dos três e, apesar da mesma idade do outros companheiros, já apareceu oito vezes em um compromisso do time principal. Enquanto isso, o caçula Carlos Junio, de 19 anos, busca sua primeira oportunidade como profissional.

Emprestado pelo Cruzeiro, com passagem pelo futebol português e único do setor a atuar pela equipe principal do Coelho, Arthur, aos 21 anos, é o mais experiente entre os zagueiros. O mais jovem do grupo de jogadores é Heitor, de apenas 16 anos. Ele disputou o Campeonato Brasileiro Sub-17 na última temporada e já integra o profissional neste início de temporada.

Completam o quarteto de zaga Luisão, que estava emprestado para o Betim Futebol e retorna ao América com 21 anos, além de Rodolfo, que chegou para integrar o sub-20 americano aos19 anos, após ser formado no São Paulo.

Aos 21 anos, Sabino é o mais conhecido dentre os homens de contenção que já estão treinando. Polivalente, ele foi utilizado por Lisca 13 vezes na última temporada, sendo titular em sete delas. Com a mesma idade, Renan Gomes ainda pode fazer sua estreia como profissional no Estadual, mesma situação vivida por Matheus Santos, de 20 anos.

Com apenas um minuto em campo na Série B de 2020, Gustavinho conseguiu participar ativamente do golaço marcado por Neto Berola contra o Vitória, no Independência. Com boas atuações no time sub-20, onde era titular absoluto, o meia de 19 anos renovou seu vínculo com o Coelho até dezembro de 2022.

João Gabriel, de 21 anos, e Lucas Gabriel, de 18, são mais dois que buscam vestir a camisa dos profissionais pela primeira vez.

Duas da maiores promessas das base americana estão no setor ofensivo. Carlos Alberto, de apenas 18 anos, foi chamado recentemente para a seleção brasileira sub-20 e começou 2020 entre os profissionais, mas retornou ao sub-20 para ganhar mais tempo dentro de campo. Outra joia é Goldeson, de 20 anos, que já em 2018 tinha multa rescisória de 20 milhões de dólares para o futebol internacional.

Outro jogador de 18 anos que já recebeu elogios de Lisca é Kawê, que foi titular do time sub-20 do Coelho no Campeonato Brasileiro da categoria. Vitinho e Mário Victor, de 19 anos, além de PH, de 18, completam os 23 atletas em pré-temporada no CT Lanna Drumond.

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
plataforma ead
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!