Pai segue aflito à procura da filha desaparecida em Divinópolis

Postado em 13/03/2019 18:28

Uma aflição que já dura mais de dois meses. Essa tem sido a dura realidade enfrentada pelo Luiz Carlos. A filha dele, Karla Gonçalves Borges de 32 anos fez o último contato com a família no dia cinco de janeiro.

Como não obtinha retorno, seu Luiz saiu de Nova Ponte, no triângulo mineiro, distante quase 400 km de Divinópolis para obter respostas. No último contato feito com a família, Karla fez uma videochamada relatando que estava bem. Horas depois, ela enviou um áudio para amigos de Santo Antônio do Monte, alegando estar sendo ameaçada.

Carla tem três filhos. Todos vivem com a avó, em Nova Ponte. De acordo com seu Luiz, Karla mantinha um relacionamento há cerca de três anos com um homem de Divinópolis. O pai classificou a relação dos dois como abusiva e tinha pedido a filha pra retornar à casa.

No dia seguinte ao desaparecimento, a Polícia Civil esteve no imóvel em que o casal vivia e periciou uma peça de roupa. Testemunhas falaram ainda sobre a possibilidade de que a mulher estivesse enterrada em um terreno, nas proximidades do bairro Liberdade. Buscas também foram feitas por lá, mas nada foi encontrado.

A polícia trabalha com a linha de investigação de que Karla tenha desaparecido, pois fez contato afirmando que iria se encontrar com amigos em Santo Antônio do Monte.

Diante de tantas incertezas, o pai de Karla ainda espera por uma boa notícia. Qualquer informação que possa colaborar com a investigação pode ser feita pelo Disque Denúncia, o 181.

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Real Time Web Analytics