Publicidade

Filho de Tim Maia, faz grave acusação e desmascara família materna

Postado em 08/08/2020 15:28

tim-maia-cantor

Os filhos do falecido cantor Tim Maia reforçaram ainda mais a briga judicial na qual travaram. Numa nova ação judicial, Carmelo Maia, filho único de sangue do músico, foi notificado pela Justiça pelo meio-irmão Leo Maia, enteado do saudoso artista.

De acordo com informações obtidas pela jornalista Fábia Oliveira, do jornal O Dia, há quase dois anos o mesmo havia tentado mencionar Carmelo num processo de reconhecimento de paternidade, e na manhã desta última quinta-feira (6), ele recebeu um oficial de Justiça em seu condomínio, localizado na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro.

Em meio a problemática familiar, Carmelo deu sua verdadeira declaração em entrevista concedida ao jornalista Leo Dias, do portal Metrópoles. “Minha mãe me abandonou quando eu tinha 45 dias de vida e não me deu nem o direito ao aleitamento materno”, disparou ele, que contou que foi deixado pelo próprio pai e passou a ser criado pelos cuidados da avó, Maria Imaculada Maia, e por sua tia, Anna Maria Maia.

Sua mãe, Geisa Gomes da Silva, morava com Leo Maia no norte do estado carioca, e garante que a genitora visitava Tim Maia para pedir ajuda financeira. “Aos 14 anos, meu pai me chamou para uma conversa e disse: ‘Eu sempre paguei para sua mãe te ver’. Isso deu um nó na minha cabeça”, confessou.

“Eu não fui criado pelo meu pai, mas ele foi presente na minha vida. Eu demonstro isso com fotos, cartas… Tudo isso eu tenho. Se ele também foi criado pelo meu pai durante sete anos, como ele diz que éramos uma família feliz, eu gostaria que ele apresentasse de forma robusta essa mesma variedade de registros”, ponderou Carmelo.

Sobre a relação entre irmãos, o herdeiro contou que possuía uma relação respeitosa, mesmo sem muita proximidade, e que a divisão dos bens ainda não ocorreu justamente pelo processo judicial. “Acho que quem deveria reconhecer ou não ele como filho não é a Justiça, era o Tim Maia (…) De louco, meu pai não tinha nada. Eu não sei o que o motivou a entrar com o processo agora, mas me causa estranheza pedir para ser reconhecido tanto tempo depois”, concluiu.

Uma verdadeira guerra entre irmãos, filhos do falecido e saudoso cantor Tim Maia, veio à tona. Em meio a briga judicial entre os herdeiros do artista, Carmelo Maia, filho único de sangue, notificado de uma ação judicial movimentada pelo meio-irmão Leo Maia, enteado do cantor.

De acordo com informações obtidas pela jornalista Fábia Oliveira, do jornal O Dia, há quase dois anos o mesmo havia tentado mencionar Carmelo num processo de reconhecimento de paternidade, e na manhã desta quinta-feira (6), ele recebeu um oficial de Justiça em seu condomínio, localizado na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro.

Por meio da Lei do Socioafetivo, o reconhecimento de paternidade movimentado pelo mesmo é uma forma de que, além de que tenha direito aos bens materiais, possa usar o nome do pai em projetos profissionais. Filhos da mesma mãe, Geisa Gomes da Silva, o cantor nunca registrou seu sobrenome ao de Leo, e no meio jurídico, Carmelo conseguiu impedir que ele executasse as músicas e nome do pai num projeto batizado ‘Tim Maia for Kids’.

“Depois de dois anos tentando achar o Carmelo e ele dando vários endereços, conseguimos entregar o mandado de citação para que ele se apresente e conteste a nossa ação. Tudo que eu sempre fiz, desde os meus 14 anos, quando meu pai me colocou na música, foi cantar”, desabafou o filho primogênito de Tim Maia à coluna. Tim Maia faleceu por volta de 1998, devido a uma infecção generalizada, uma semana após ter apresentado inúmeros problemas de saúde.

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!