Publicidade

Disputa por música causa mal-estar entre sertanejos

Postado em 27/04/2019 21:39

Da Preferência Pra Mim”, foi gravada primeiramente pela dupla João Fernando e Gabriel que dispunham apenas da licença para gravar a canção. Agora, o cantor Thiago Brava comprou a exclusividade da música e a lançou novamente

A dupla sertaneja João Fernando e Gabriel fazem sucesso na internet e nos shows com o a música “Da Preferência Pra Mim”, desde novembro de 2018, quando a faixa foi publicada no YouTube, que acumulava até esta sexta-feira (26), quase 6 milhões de visualizações. A dupla comprou dos compositores Caco Nogueira e Pedro Viana, a liberação para gravação da música, que foi retirada do ar hoje, devido à compra de exclusividade do cantor Thiago Brava sob a canção. Antes, os artistas dispunham apenas da licença para gravar a canção.

Desde essa época, há uma especulação na qual Thiago Brava aparentava indícios de interesse em comprar a música, que segundo a dupla, Thiago disse não ser boa. Além disso, os fãs da dupla replicaram várias mensagens na internet, direcionadas a Thiago Brava, tentando entender o motivo pelo qual o cantor comprou a música dos colegas de profissão.

Advertisement

“Quando a gente começou o DVD “Mói Dus Primo”, queríamos mostrar como tudo começou em nossa carreira. Na hora de selecionar o repertório, essa canção chegou no final do projeto e não tínhamos mais dinheiro para comprar a exclusividade, apenas a liberação. Mesmo assim gravamos, e gostamos da participação que íamos colocar que era dos cantores Hugo e Guilherme. Depois, mostramos a música para o Thiago, mas ele não gostou, então deixamos quieto”, explicou à dupla.

Os cantores contaram ainda que quando a música começou a trazer resultado, o cantor Thiago Brava começou a rondar a dupla: “Ele falava que queria gravar a música, mas não fez nenhuma proposta para nós”, afirmou.

A dupla explicou que não era interessante deixar outro cantor gravar, pois já haviam gasto dinheiro na produção da música. E acusa o artista de não ter tido sensibilidade em relação a um trabalho que ele já conhecia. “Ele (Thiago) acompanhava nosso trabalho e sabia da nossa luta. Mesmo ciente disso, ele foi por baixo dos panos e gravou a música sem falar nada. Depois que gravou também não falou nada. Ficamos chateados, mas até então ele não estava fazendo nada fora da lei, então não fizemos nada”, relatou.

Ainda nesta sexta-feira, o cantor Thiago Brava lançou a música oficialmente em seu canal no YouTube, com a participação do sertanejo Gusttavo Lima. “Agora, antes de ele divulgar a dele, ele tirou a nossa do YouTube. Temos o papel de liberação da música e estamos na Justiça para tentar voltar a música para o ar”, reforçou.

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
plataforma ead
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!