Tribunal condena mãe que armou emboscada para matar filho gay

Postado em 29/11/2019 11:03

O TJSP decidiu condenar nesta quinta-feira a mãe que arquitetou uma emboscada para o próprio filho menor de idade e o matou com uma facada no pescoço. Itaberli Lozano foi morto em 2017 após ser espancado, a mãe também queimou seu corpo. A motivação do crime seria não aceitar o fato de que ele era gay. Tatiana Lozano foi sentenciada a 25 anos de prisão.

Além da mãe, outros dois homens foram condenados pelo crime ocorrido no interior de São Paulo. Os criminosos pegaram 21 anos de reclusão por homicídio triplamente qualificado. Os dois teriam espancado o rapaz antes que a mãe dele o esfaqueasse. 

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: Este conteúdo é protegido!