Vale transporte em BH terá redução no preço e veja a situação de Divinópolis - Portal MPA

Publicidade

Vale transporte em BH terá redução no preço e veja a situação de Divinópolis

Postado em 22/12/2021 9:00

Em Belo Horizonte, o valor do vale transporte será reduzido em R$0,20. A redução no preço da tarifa de ônibus, anunciada nesta sexta-feira pelo prefeito Alexandre Kalil (PSD), não terá efeito imediato. Kalil tomou uma decisão política para resolver a questão do preço da tarifa, pois o transporte coletivo é uma concessão de gestão plena da prefeitura.

Segundo Kalil, o acordo firmado com o Setra BH ainda será homologado na Justiça e enviado para a Câmara Municipal como forma de Projeto de Lei. A expectativa é que isso possa ser concluído em fevereiro de 2022.

No arranjo feito entre a PBH e o sindicato, a prefeitura vai assumir o pagamento das gratuidades no transporte público, orçadas em cerca de R$ 12 milhões por mês. Pelo acordo, o dinheiro sairá do caixa da prefeitura. Os detalhes de como isso será feito ainda não foram divulgados. 

O acordo encerra a discussão sobre o valor da passagem, que por pouco não sofreu um aumento. “Felizmente, a Prefeitura de Belo Horizonte chegou a um acordo a respeito do transporte público. Todo mundo viu que a corda esticou e eles pediram uma reunião. Deviam estar em reunião permanente, como nós estávamos, esperando o que ia acontecer. Os números eram realmente assustadores, a fórmula paramétrica do contrato nos levaria a uma tarifa de R$ 5,75, que hoje é 4,50”, conta o prefeito.

Em Divinópolis o Comutran, que é o órgão da prefeitura e o responsável em analisar as planilhas de custos e aprovar o preço do Vale Transporte apontou o valor de R$6,09 que não foi admitido pela prefeitura da cidade

É de responsabilidade da prefeitura toda a gestão do transporte público, desde a quilometragem que cada veículo irá rodar até o número de ônibus que a prefeitura quer na rua atendendo a população, o que afeta diretamente o preço calculado pelo Comutran.

O prefeito Gleidson terá de decidir o que fazer, pois é realidade que o diesel aumentou mais 50% o impacta o preço do serviço. Dentre as opções levantadas por seus assessores e pela vice-prefeita executiva ele poderá fazer um projeto de lei reduzindo encargos ou ainda fazer igual a BH e assumir o pagamento das gratuidades no transporte público aqui em Divinópolis.

Enquanto não se encontra uma solução veja como o prefeito Gleidson se pronunciou sobre o assunto dentro de um coletivo está semana 

Vídeo: Gleidson pega ônibus e diz que não vai aumentar passagem para R$ 6,09