Publicidade

Macrorregião de Divinópolis subiu para 16 pontos ficando uma casa mais próxima da onda vermelha

Postado em 04/09/2020 14:21

O plano criado pelo governo de Minas Gerais prevê uma soma da dados (conforme quadro abaixo) onde a pontuação final mostra a situação epidemiológica da macro região e microrregião, no caso da macro região oeste, onde Divinópolis está inserida, a soma subiu para 16 pontos, isso quer dizer que está ainda mais próxima da onda vermelha.

Na microrregião não é tão diferente, somente não houve alterações, Divinópolis permanece com 15 pontos e como existe o platô da epidemia na região, todos os esforços devem ser mantidos, para iniciar a curva descendente e continuar as flexibilizações dos demais setores.

Para não correr risco de uma onda vermelha é necessário testar mais e assim ter uma evidência melhor na positividade dos casos, onde a cidade de Divinópolis apresenta 70% dos testados apresentando resultado positivo. Para seguir a onda verde, além de melhorar a positividade da doença é diminuir o número de internados, para isso seria necessário um isolamento social melhor. O que evitou a ida para a onda vermelha foi a grande malha hospitalar existente na cidade.

 

]

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!