Publicidade

Após transferir pacientes para Divinópolis, Monte Carmelo recebe 75 cilindros de oxigênio

Postado em 15/02/2021 15:08

“Gastamos 54 cilindros por dia”, disse prefeito  de Monte Carmelo em live

 

A prefeitura de Monte Carmelo já conseguiu 75 cilindros de oxigênio até nesta segunda-feira,15. As unidades são suficientes para suprir a necessidade que o município passava e que levou o prefeito, Paulo Rocha (PSD) a pedir doações de vasilhames vazios por meio da internet.

A cidade passa por um momento delicado para atendimento de casos de Covid-19. Neste domingo, 14, quatro pessoas foram trazidas para Divinópolis. Nas últimas semanas, já houve transferências para cidades como Pirapora e Montes Claros, além de Belo Horizonte. Monte Carmelo tem 1.793 casos de COVID-19 confirmados e 40 mortes pela doença. Não há leitos de UTI disponíveis no momento.

Advertisement
Dos 75 cilindros doados, 15 foram entregues por vários moradores ainda no domingo (14/2). Os demais 60 foram comprados por um grupo de empresários e, desse total, 15 já estão com o poder público. Os demais 45 ainda serão enviados nos próximos dias. Com os cilindros, é possível que o fornecedor os complete com o gás necessário para o atendimento.
 
Outra fato que chamou a atenção foi o preço dos cilindros novos, que inicialmente eram comprados por R$ 1,6 mil a unidade e atualmente passaram a R$ 2,2 mil, podendo chegar até ao valor de R$ 3 mil em compras futuras.
 
O consumo de oxigênio em Monte Carmelo aumentou 10 vezes nos últimos meses devido ao aumento de casos de COVID-19 no município. Entre as medidas adotadas para conter o avanço da contaminação por coronavírus, a prefeitura limitou a circulação pela cidade até às 21h e proibiu a venda de bebidas alcoólicas.

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
plataforma ead
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!