Casos de sarampo em Minas tem aumento de 31% nos últimos trinta dias

Postado em 15/12/2019 8:47

O número de casos confirmados de sarampo em Minas Gerais cresceu 31% nos últimos 30 dias. No balanço anterior, divulgado em 14 de novembro, o Estado tinha 99 infectados. Agora, de acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (SES), são 130 doentes.

O levantamento aponta que outros 471 casos suspeitos estão em investigação. A enfermidade, que é viral e altamente contagiosa, havia sido erradicada em 2016, mas, neste ano, voltou a ser transmitida no Brasil.

Em Minas, conforme o levantamento da SES, quatro casos foram confirmados no primeiro trimestre. As vítimas eram de Belo Horizonte, Contagem e Betim. Os demais foram registrados a partir de junho e, a principal suspeita, é de que o vírus tenha sido importado de doentes que estiveram em São Paulo.

Porém, nas últimas semanas, foi constatado a circulação do vírus sem relação com enfermos de outros estados. “A partir das investigações realizadas pelas vigilâncias locais nas últimas semanas, vêm sendo detectados casos sem vínculo com importação”, diz trecho do boletim.

Incidência

Conforme o levantamento, Belo Horizonte é a cidade com mais incidência de casos, com 48 confirmações. Uberlândia, no Triângulo Mineiro, aparece na sequência, com 23 registros no total.

Imunização

Para conter o avanço do sarampo no país, o Ministério da Saúde realizou, ao longo do ano, duas campanhas de vacinação. Na primeira, entre 7 a 25 de outubro, crianças de 6 meses a menores de 5 anos foram imunizadas. No público alvo, a cobertura vacinal foi acima de 80%. Já a segunda etapa da campanha, realizada de 18 a 30 de novembro, foi direcionada para os jovens adultos, com idade entre 20 e 29 anos.

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
error: Este conteúdo é protegido!