Prefeitura emite nota de pesar por Dom José Belvino

Postado em 09/01/2019 14:37

A notícia veiculada sobre a morte do Bispo Emérito de Divinópolis, Dom José Belvino, provocou grande comoção e também as reações. Entre elas a prefeitura de Divinópolis que emitiu a nota de pesar. Dom José Belvino faleceu em Entre Rios (MG) onde estava residindo com sua irmã Maria das Mercês. Ainda ontem ele celebrou a missa em ação de graças pelo seu aniversário de batizado. Passou mal e acabou falecendo no Hospital.

O corpo de Dom José Belvino deve chegar a Divinópolis por volta de 21h quando haverá uma noite de vigília e agradecimento, com celebração de missas e orações.

Confira a nota da prefeitura na íntegra.

Foi com surpresa e muito pesar que o município de Divinópolis recebeu na manhã desta quarta-feira,  9 de janeiro, a notícia da morte do bispo emérito da nossa cidade,  Dom José Belvino do Nascimento, ocorrida às 23h na noite anterior na cidade de Entre Rios de Minas.

Dom José Belvino, natural de Mercês, região da Zona da Mata, nascido em 29 de dezembro de 1932, foi ordenado sacerdote em Mariana em 2 de dezembro de 1956; foi eleito bispo em Mariana, em 27 de junho de 1981, sendo sagrado em 29 de setembro do mesmo ano, na cidade de Entre Rios de Minas, com festa em praça pública.

Depois de atuar nas dioceses de Itumbiara (GO) e Patos de Minas, foi nomeado bispo diocesano de Divinópolis em 11 de maio de 1989, pelo Papa João Paulo II, tendo tomado posse no mesmo ano, em 11 de junho, sendo o terceiro bispo da Diocese, tendo como antecessores Dom Cristiano Portela de Araújo Pena e Dom José Costa Campos. Devido à idade, 75 anos, renunciou no dia 11 de fevereiro de 2019.

De voz mansa e de modos afáveis, Dom José Belvino revolucionou a Diocese nos 20 anos em que atuou como pastor desta Igreja particular, inclusive no que se refere aos meios de comunicação: adquiriu a rádio Santa Cruz, de Pará de Minas, e as rádios Divinópolis e Candidés, além de jornal.

Nos últimos anos passou a dar assistência aos fieis de Entre Rios de Minas, e mais recentemente à comunidade de Conceição do Pará, onde seu corpo será sepultado na manhã dessa quinta-feira, 10 de janeiro, depois de ser velado em Divinópolis, na Catedral do Divino Espírito Santos.

Por tudo que Dom José Belvino fez em nosso meio e pelo o que seu nome continuará representando, decretamos luto oficial de três dias e, ao mesmo, tempo rogando ao Altíssimo que o receba em sua glória, pois, enquanto esteve no nosso meio não cessou de rogar a Deus por aqueles que o antecederam na caminha para o céu. Descanse em paz, Dom Belvino!

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com