Publicidade

Presidente da Vale ignora minuto de silêncio pelas vítimas de Brumadinho

Postado em 15/02/2019 15:07
Publicidade

Durante audiência pública realizada ontem (14) na Câmara do Deputados, em Brasília, o presidente da Vale falou para participantes do evento. Fábio Schvartsman pronunciou falas peculiares que geraram polêmica. Entre elas, dizer que a mineradora é uma jóia brasileira que não pode ser punida.

No entanto, um dos atos que mais gerou repúdio foi ignorar o minuto de silêncio realizado em memória das cerca quatro centenas de pessoas mortas no acidente provocado pela Vale.

Um dos deputados solicitou um minuto de silêncio e em seguida todos os presentes se levantaram. Fábio foi o único do recinto a permanecer sentado.

O gesto gerou críticas.

Audiência

A audiência discutiu formas de reparar os danos causados pelo rompimento da barragem de Brumadinho.

Parlamentares denunciaram que a Vale não está oferecendo ajuda básica aos familiares que perderam residências.

 

Fábio permaneceu sentado.

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!