Apreensão de armas roubadas pode ser a maior da história; motorista e ajudante são resgatados em Cláudio e Carmo da Mata - Portal MPA

Publicidade

Apreensão de armas roubadas pode ser a maior da história; motorista e ajudante são resgatados em Cláudio e Carmo da Mata

Postado em 14/03/2022 19:08
Publicidade

Foto: PMMG

 

O motorista do caminhão de armas roubado nesta segunda-feira, 14, em Igarapé, e o ajudante dele, que haviam sido feitos reféns, foram liberados pela Polícia Militar no Centro Oeste de Minas. Mais de 50 armas foram apreendidas. Ainda não houve contagem, portanto, este número pode ser maior.

Segundo as primeiras informações da PM, um dos veículos usados pelos criminosos, uma caminhonete Fiat Strada, foi interceptado em Carmo da Mata. Houve troca de tiros, fuga dos integrantes da quadrilha e resgate de uma vítima, o ajudante de 45 anos. Em Cláudio, o caminhão roubado foi abandonado junto com o motorista, que não teve a idade divulgada, em uma estrada vicinal; ele também foi resgatado.

Carmo da Mata

A PM de Carmo da Mata foi acionada no período da tarde com informações de que um caminhão carregado com armas e munições havia sido roubado na BR-381, próximo a Igarapé, e que passaria pelo trevo da cidade, pela BR-494. Imediatamente os militares montaram uma operação de cerco bloqueio.

Com o cerco bloqueio montado, a PM visualizou a caminhonete e deu ordem de parada, no entanto, os criminosos não obedeceram e trocaram tiros com a polícia. Os militares revidaram e acertaram o pneu da caminhonete. Neste momento os suspeitos abandonaram o carro e fugiram por um matagal, próximo a Comunidade da Várzea.

No veículo estava o ajudante do motorista do caminhão, que foi amarrado pelos ladrões. Ele foi libertado e prestou depoimento. Na caminhonete foram encontradas mais de 50 armas e munições.

Claúdio

Com as informações repassadas pelo serviço de inteligência e pelo ajudante do motorista, a PM de Cláudio localizou o caminhão roubado em uma estrada vicinal. O motorista estava no veículo e também foi libertado.

Apreensão de armas

Uma contagem do número de armas apreendidas será realizada pela PM. Não foram fornecidas informações do quantitativo de armamento no caminhão.

Em entrevista ao jornal O Tempo, o o tenente-coronel Flávio Santiago afirmou que a apreensão pode ser a maior já feita nos últimos 22 anos: “Um grande arsenal recuperado, Talvez seja a maior apreensão de armas feita no século. A Polícia Militar agiu para evitar que essas armas caissem nas mãos de criminosos do novo cangaço e de bandidos envolvidos em crimes violentos. A PM não salvou só esses dois reféns, mas outras pessoas que poderiam ser vítimas desses criminosos”, ressaltou. 

Caminhão carregado de armas é assaltado e parte do armamento roubado é encontrado na região de Claudio

Novas informações sobre roubo de armas em Igarapé e localizadas no centro oeste mineiro