A construção da fábrica do Grupo Petrópolis em Uberaba, deve gerar 700 empregos

Postado em 01/02/2020 13:19

construção da fábrica do Grupo Petrópolis em Uberaba

A Prefeitura de Uberaba anunciou nesta quinta-feira (14) a instalação de uma fábrica de cervejas no município com investimentos de R$ 800 milhões. De acordo com o prefeito Paulo Piau (MDB), o empreendimento irá gerar, pelo menos, 700 empregos diretos na cidade.

A construção da fábrica do Grupo Petrópolis em Uberaba está em ritmo acelerado, com o cronograma adiantado e programada para ser inaugurada em julho.

A análise do andamento da obra foi feita ontem pelo secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Inovação (Sedec), José Renato Gomes, para o Jornal da Manhã. “As chuvas não atrapalharam em nada o andamento da obra. O cronograma está adiantado, não muito, mas está adiantado. E a inauguração, sem margem de erro, é julho”, aponta José Renato, lembrando que a estrutura metálica terminará de ser feita até o mês de março e, nos locais em que a estrutura coberta se encontra pronta, já estão sendo instalados os equipamentos da linha de produção, vindos da Alemanha. “Debaixo daqueles grandes galpões nós já vemos a montagem da fábrica e é uma coisa impressionante os equipamentos que vieram do exterior. Essa indústria tem os equipamentos mais modernos que existem no mundo, é a última geração de tecnologia”, posiciona.

Segundo José Renato, na sexta-feira (31) ele visitou o canteiro de obras por quatro horas e, atualmente, são cerca de 1.800 trabalhadores envolvidos na construção. Até agora já foram utilizados mais de 52.000 metros cúbicos de concreto. “É uma coisa grandiosa que nós conseguimos para nossa cidade e movimenta toda cadeia produtiva. A Fundação Getulio Vargas divulgou recentemente que a cada emprego direto nesse ramo, outros 50 empregos indiretos são gerados no país. Então, essa fábrica deve movimentar outras 20 mil pessoas indiretamente no país”, pontua.

Por fim, o José Renato afirmou que a Sedec trabalha para viabilizar outros investimentos em Uberaba, que estarão ligados à fábrica que irá gerar outras demandas. “Não posso revelar detalhes por questão de confidencialidade, mas serão empresas que irão atuar na demanda que esta fábrica irá gerar”, finaliza.

Na semana que passou o Jornal da Manhã registrou o momento em que um dos equipamentos chegava ao canteiro de obras e o trânsito na BR-050 ficou lento porque a peça sobre a prancha ocupava as duas faixas de trânsito.

fonte: https://jmonline.com.br/novo/?noticias,2,CIDADE,191960

 

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
error: Este conteúdo é protegido!