Policia Civil aguarda laudo da pericia e necropsia para dar sequencia no inquérito do acidente da BR 494 - Portal MPA

Publicidade

Policia Civil aguarda laudo da pericia e necropsia para dar sequencia no inquérito do acidente da BR 494

Postado em 02/12/2021 8:00
Publicidade

Acidente BR 494 Divinópolis

O grave acidente registrado na BR 494 no dia 23 de novembro segue sob investigação da Policia Civil. O carro que era conduzido por um idoso de 82 anos bateu de frente com um moto que vinha no sentido contrário. O condutor da moto de 29 anos morreu na hora, já o garupa de 37 anos permanece internado na UTI em estado grave.

A Policia Civil não quis gravar entrevista. Segundo a assessoria da Policia “ainda é cedo para apresentar conclusões, já que o inquérito está no inicio”. A policia ainda disse que a investigação está na fase da perícia e requisição de prontuários médicos. Ainda segundo a assessoria neste momento está sendo aguardado a conclusão do laudo de pericia do local e da necropsia.

Infelizmente, o Brasil ainda é considerado um país com trânsito perigoso e, muitas vezes, violento. Conforme dados do portal do DPVAT, no ano passado foram pagas 310.710 indenizações por acidentes de trânsito no Brasil. Desse total, 33.530 foram por morte, 210.042 por invalidez permanente e 67.138 com despesas médicas. Os estados de São Paulo, Minas Gerais e Santa Catarina são os que mais indenizações receberam em 2020.

Como disse a Policia Civil ainda é cedo para conclusões, porém de acordo com o código de trânsito o condutor do carro pode ser acusado de homicídio culposo. O crime acontece quando o motorista causa morte de outra pessoa, sem intenção. Nesse caso, a pena é de detenção, que pode durar de dois a quatro anos, e a suspensão ou proibição de se obter a permissão ou a habilitação para dirigir.

Acidente grave envolvendo duas carretas é registrado na BR 494 em Divinópolis; veja vídeos

Publicidade