Publicidade

Felipe Conceição afirma que vaga na final do Mineiro está aberta.

Postado em 03/05/2021 11:12

O Cruzeiro fez um bom primeiro tempo e dominou as ações ofensivas diante do América-MG, na ida da semifinal do Campeonato Mineiro. Entretanto, no segundo tempo, o VAR anulou o segundo gol, e o técnico Felipe Conceição viu o time cair de rendimento nas trocas de atletas. O Coelho, por sua vez, conseguiu virar o jogo num espaço de quatro minutos, na reta final. Para o técnico celeste, porém, não há nada perdido.

Felipe Conceição destacou que o desempenho do time demonstra clara evolução tática e técnica e acredita que os erros defensivos nos gols do América servirão de lição para a próxima partida, domingo que vem. O Cruzeiro precisa vencer por dois gols de diferença para alcançar a vaga na final do Mineiro. O Coelho, por sua vez, tem a vantagem de ser finalista até se perder, por exemplo, de 2 a 1.

Advertisement

“Estamos vivos. São dois jogos, vamos buscar o mesmo desempenho no próximo jogo, buscando ajustar algumas coisas, aprender com erros que tivemos”.

“Fizemos excelente partida, em questão de desempenho. Lógico que a derrota incomoda, mas estamos vivos dentro dessa disputa de semifinal e vamos buscar a vitória no próximo jogo. Acho que a equipe se portou bem na maior parte do jogo, jogo desse nível é decidido em detalhes. Poderia ter saído com uma vitória maior, se o gol não fosse retirado da gente, e com razão (intervenção do VAR), porque o Barbosa estava impedido, segundo me chegou informações. Mas fizemos bom jogo, bom desempenho”.

Questionado se o Cruzeiro entrou em pane na reta final do jogo, Felipe Conceição disse que não. Ele avisou que irá repassar os gols sofridos para a equipe, para apontar as falhas e corrigir a marcação. Para Conceição, são situações do futebol que aconteceram, com o Cruzeiro tendo tido chances para ampliar e até matar o clássico, mas o Coelho sobreviveu e conseguiu a vitória.

“Não, não deu apagão. Buscamos o gol até o final. Aconteceu dois gols que vamos analisar, são detalhes, jogos desse nível é detalhe, o tempo todo tenso. Poderia ter saído um gol nosso, e saiu do América e logo depois o outro. Acontece, vamos analisar e não cometer erros nas próximas partida. A equipe demonstra evolução muito grande. Se pegar o jogo da primeira fase e comparar, hoje o Cruzeiro foi bem superior ao América. É demonstração do trabalho. Vamos colher muitos frutos de médio a longo prazo. Já estamos colhendo”.

“Estamos brigando de igual para igual contra qualquer adversário, com chance de vitória e isso demonstra a força do trabalho. Não é a derrota que irá tirar”

O fim do duelo no Mineirão foi marcado por confusão entre as duas equipes na descida para o túnel dos vestiários. Um clima quente que começou ainda em campo, com Lisca discutindo após ser provocado por um auxiliar de Felipe Conceição. Perguntado sobre essa pressão psicológica que o técnico americano exerceu, reclamando da arbitragem, puxando desencontros com rivais, Conceição não entrou no mérito.

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
plataforma ead
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!