Ex-moradora de Divinópolis, árbitra se torna 1ª mulher a apitar final masculina em MG e entra para o quadro da FIFA - Portal MPA

Publicidade

Ex-moradora de Divinópolis, árbitra se torna 1ª mulher a apitar final masculina em MG e entra para o quadro da FIFA

Postado em 22/12/2021 15:00

Árbitra Andreza Helena Siqueira — Foto: Cristiane Mattos

 

 

O fim de 2021 tem sido recheado de surpresas para Andreza Siqueira. Fora da escala, ela foi convocada às pressas para apitar a final da Segunda Divisão do Campeonato Mineiro, se tornando a primeira mulher a comandar uma decisão masculina no estado. Pouco depois, Andreza recebeu a informação de que será árbitra internacional a partir de 2022, quando passará a integrar o quadro de arbitragem da FIFA. Tudo isso em 24 horas, e na semana passada. 

Natural de Belo Horizonte, Andreza viveu a infância e adolescência em Divinópolis, onde jogava futsal e futebol de campo. Apaixonada por esportes, voltou para capital mineira para cursar Jornalismo. Formou-se, mas não atuou na área. Desde 2017, Andreza faz parte da equipe de arbitragem da Federação Mineira de Futebol. Em 2019, entrou para o quadro da CBF. A partir, da próxima temporada, ela passará a ter o escudo Fifa. 

A Federação Mineira de Futebol tinha definido que João Luiz Gomes Neto apitaria o segundo jogo da final da Segundona entre Uberaba e Varginha, no último dia 18. Porém, um imprevisto modificou a escala do fim de semana. João fraturou o pé direito em acidente de carro.Assim, na quinta-feira, Andreza, que no fim de semana seria árbitra em uma partida feminina não oficial em Nova Lima, foi convocada para apitar o jogo decisivo, marcado para o último sábado, no Uberabão. 

Na sexta-feira, véspera da final, outra novidade agitou o dia de Andreza. Enquanto arrumava a mala para viajar rumo ao Triângulo Mineiro, ela recebeu a notícia de que será árbitra FIFA a partir de 2022.

Depois da final do último sábado, Andreza seguiu para um período de descanso no litoral carioca. Mas, mesmo de férias, segue a cartilha de treinamentos e tem feito trabalhos na areia para chegar em forma para a temporada 2022.

Além de Andreza, Minas Gerais terá outros três representantes na arbitragem Fifa no próximo ano: os assistentes Guilherme Dias Camilo e Fernanda Nândrea e o árbitro de vídeo Igor Junio Benevenuto.