Depois de 12 jogos, América perde e estaciona na tabela

Postado em 29/09/2019 11:03

O Coritiba venceu o América por 2 a 1 em jogo disputado na tarde deste sábado, no Couto Pereira, pela 25ª rodada da Série B. O atacante Robson e o zagueiro Sabino marcaram os gols dos mandantes; o zagueiro Ricardo Silva descontou para os mineiros. O Coxa, que não vencia há seis jogos, afasta a crise do Alto da Glória e sobe para a quinta posição, com 37 pontos. E o Coelho, que não perdia há 12 partidas, desperdiça a chance de encostar no G-4 e estaciona em 10°, com 35.

O Coritiba dá um salto na tabela, subindo da nona para a quinta posição, agora com 37 pontos. O Coxa só fica atrás do CRB, o quarto colocado, pelo número de vitórias: 11 a 10. O próximo compromisso será contra o Paraná Clube, no sábado, às 16h30, na Vila Capanema, em Curitiba.

O América – que acumulava 12 jogos sem perder – vê a sequência ser quebrada e cai para a 10ª posição, com 35 pontos. Na próxima rodada, o Coelho recebe o CRB para retomar o caminho das vitórias. A partida será na quinta-feira, às 19h15, no Independência, em Belo Horizonte.

O América esboçou uma pressão no início, e o Coritiba equilibrou o jogo a partir dos 20 minutos. Cada time teve uma chance clara: o zagueiro Sabino cabeceou perto do gol, e o atacante Júnior Viçosa bateu por cima. Depois, o Coxa cresceu de produção e conseguiu abrir o placar aos 28. Juan Alano ganhou com categoria, e Giovanni lançou por cima. Robson adiantou a bola ao tentar dominar, e isso acabou tirando o goleiro Airton do lance. Aí Robson só completou para o fundo das redes. O placar poderia ser maior no primeiro tempo, mas o árbitro Marcelo de Lima Henrique (RJ) não viu dois pênaltis, um para cada lado.

O Coritiba manteve o embalo no início segundo tempo e ampliou logo aos dois minutos do segundo tempo. Robson recebeu o passe em profundidade, mas sofreu o pênalti (inexistente, segundo a Central do Apito). O zagueiro Sabino cobrou e converteu – 2 a 0. Rodrigão tinha desperdiçado dois pênaltis antes, e o zagueiro assumiu a responsabilidade neste sábado. Depois disso, o América-MG “acordou” no jogo e passou a ameaçar o goleiro Muralha. Aos 16, Ricardo Silva subiu mais alto que a marcação e descontou de cabeça. O Coelho partiu para a pressão no final, o jogo ficou aberto, mas o placar ficou mesmo em 2 a 1 para os mandantes.

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com