Cruzeiro e Atlético empatam 1º clássico do ano marcado por homenagens às vítimas da tragédia em Brumadinho e polêmicas

Postado em 27/01/2019 14:19

Cruzeiro e Atlético se enfrentaram pela primeira vez no ano logo na 3ª rodada do Campeonato Mineiro.

E em uma manhã de homenagens às vítimas da tragédia em Brumadinho e de polêmicas da arbitragem, Fred e Fábio Santos marcaram de pênalti, e o clássico acabou em 1 a 1.

O primeiro lance discutido foi no primeiro minuto de jogo.

Cazares levantou bola na área, e Igor Rabello reclamou por ter sido puxado pelo zagueiro Léo. O árbitro Wanderson Alves mandou o lance seguir.

Ainda no primeiro tempo, o mesmo Léo se envolveu em outro lance polêmico – desta vez, no ataque. Depois de um escanteio aos 28 minutos, ele se livrou da marcação e bateu para o gol. Mas ao sair para a comemoração, Léo viu Wanderson Alves marcar falta em Elias, anulando o que seria o primeiro gol da partida.

Depois do intervalo, mais uma polêmica.

Aos 12, Rafinha cruzou da esquerda para Fred, que disputou espaço com Igor Rabello. A arbitragem entendeu que o zagueiro atleticano derrubou o atacante cruzeirense e marcou o pênalti. Na cobrança, Fred bateu no canto, Victor ainda tocou na bola, mas ela entrou: 1 a 0.

O empate atleticano foi na mesma moeda: em cobrança de pênalti.

Léo tentou passe dentro da própria área, Dedé teve de se virar para afastar, mas acabou acertando o colombiano Chará. O resultado foi a penalidade e o segundo cartão amarelo para o zagueiro, que deixou o gramado sem reclamar da jogada.

Fábio Santos deslocou Fábio na cobrança e deixou tudo igual no placar – na comemoração, o lateral desejou força à cidade de Brumadinho.

Com o 1 a 1, o Cruzeiro chegou a sete pontos e lidera o Mineiro. Já o Atlético tem quatro pontos e é terceiro colocado.

 

Ouça os gols da partida na voz de Mário Savaget:

 

 

 

Fonte: ESPN.com

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
error: Este conteúdo é protegido!