Ramón Martínez é apresentado no Atlético

Postado em 27/06/2019 16:29

Segundo reforço contratado pelo diretor de futebol Rui Costa no Atlético, o volante paraguaio Ramón Martínez foi apresentado pelo clube nesta quarta-feira. Ainda desconhecido do torcedor, o jogador de 23 anos, que defendia o Guaraní-PAR, agradeceu a oportunidade de se tornar meio-campista do Galo

“Muito obrigado a todos que fizeram possível que eu chegasse aqui, por confiar em mim. Como falei para você (Marques), nem nos meus melhores sonhos ia imaginar estar num clube tão grande, em um campeão da América, e estou muito feliz”, disse.
 
Mas quem é Ramón Martínez? O volante de boa estatura (1,86m), que assinou contrato com o Atlético até dezembro de 2022, foi revelado pelo Guaraní-PAR. O jogador é volante de origem, mas pode jogar também como zagueiro. Pelo clube paraguaio, o único de sua carreira, o versátil jogador disputou 62 partidas e marcou seis gols.
 
Para quem ainda não o conhece, ele mostrou suas credenciais durante a entrevista. “Meu estilo, antes de tudo, é deixar tudo em campo, é como a raça paraguaia que outros jogadores mostraram quando vieram aqui (ao Brasil). Em cada jogo deixam tudo. Sou um jogador desses, em cada jogo deixo tudo de mim. Gosto de recuperar a bola e deixá-la limpa para os companheiros da frente”.
 
E a preferência de posicionamento em campo? O volante deixou claro que atua de forma defensiva, mas que gosta de aparecer no ataque para aproveitar a boa estatura e ajudar a equipe com gols.
 
“Gosto de ser o homem à frente da defesa, que recupera a bola. E depois, dependendo do jogo, tenho qualidade para chegar à área (adversária). Tenho condição física para nos 90 minutos chegar à área adversária e levar perigo ao rival pela estatura que eu tenho. Creio que de cabeça posso levar perigo”, disse o jogador, que completou.
 
“Sim, como se exige o futebol moderno, podem contar comigo para sair jogando, tenho boas características técnicas”.
 
Chego num time muito humilde. Percebi que os companheiros são bons, todos me receberam, me trataram bem, e vim para ajudar. Sei que há muitos jogadores grandes, campeões da Libertadores. Vim para aprender, vim para somar, e tomara que eu possa atuar alguns minutos para poder marcar meu nome e ganhar a torcida do Galo.
 
É um dos maiores times do Brasil, sei da sua história, sei da Libertadores que ganhou contra o Olimpia, o que representa, um dos melhores do mundo. E como disse, nem nos melhores dos sonhos poderia imaginar isso e estou muito agradecido ao Atlético.

 

Quando eu puder jogar, vou demonstrar o mesmo que os paraguaios que jogaram aqui (no Brasil), que deixaram uma boa imagem. Quando me couber jogar, vou deixar tudo com essa camisa. 
 
Meu primeiro objetivo é fazer meu nome aqui. Vim para um grande clube, um dos maiores da América, e creio que meu primeiro objetivo é fazer meu nome, ajudar a instituição, aprender com os companheiros. Depois, se vier uma convocação para a Seleção Paraguaia, virá por conta própria. Se não, manter a cabeça fixa no Atlético.
 
(O que pesou) foi o clube. Gostei do clube, um dos maiores da América. Não posso esperar mais nada. É um sonho.
 

Veja também
Comentários *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem. comentarios
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com