Publicidade

Atlético inverte vantagem do Tombense e joga pelo empate para ser Campeão Mineiro

Postado em 27/08/2020 12:08

BANNER FUTEBOL AGOSTO 2020

O primeiro capítulo da decisão do Campeonato Mineiro terminou com vitória do Atlético sobre o Tombense. Foi de virada e com gol nos acréscimos. Na noite desta quarta-feira, o Galo venceu por 2 a 1, no Mineirão. O time do interior saiu na frente, com gol do artilheiro Rubens, cobrando pênalti, na etapa final. A equipe da capital reagiu imediatamente após levar o gol e empatou com Sasha. Aos 52 minutos, Keno virou o placar: 2 a 1.

O campeão mineiro de 2020 será conhecido no próximo domingo. Às 16h, a bola rola, novamente no Mineirão, para a segunda partida entre Tombense e Atlético. A equipe do interior é a mandante, mas o jogo não poderá ser disputado em Tombos porque o estádio da cidade não foi homologado para receber o VAR (arbitro de vídeo). O Atlético joga pelo empate para ficar com a taça. O Tombense precisa de uma vitória simples.

A Federação Mineira de Futebol entregou nesta quarta-feira a taça de Campeão do Interior do Campeonato Mineiro ao Tombense. 

O gol do Tombense foi marcado foi Rubens. Ele sofreu o pênalti, ao ser agarrado na área por Junior Alonso, e converteu a cobrança. O camisa 9 é o artilheiro do Campeonato Mineiro, com sete gols. Para o Atlético, Sasha e Keno balançaram as redes. Eles marcaram pela primeira vez com a camisa alvinegra.

O domínio foi todo do Atlético. O Tombense impôs uma marcação bem ajustada, dificultando as ações alvinegras durante boa parte da etapa. Soube abafar a pressão atleticana. O Galo voltou a sentir falta de um jogador mais inspirado no meio-campo. Mesmo assim, criou as melhores chances. Mas não aproveitou. Sasha, Hyoran (cobrando falta), Arana e Keno deram trabalho ao goleiro Felipe Garcia, destaque do Tombense nos 45 minutos iniciais.

O goleiro Felipe salvou o Tombense logo no recomeço do duelo. E foi com o auxílio do árbitro de vídeo que o time do interior abriu o placar. O VAR chamou o árbitro Marco Aurélio Fazekas para revisar um lance na área. Foi marcado pênalti de Junior Alonso em Rubens, que cobrou e fez 1 a 0. A resposta do Galo foi imediata. Alonso arriscou o chute, o goleiro Felipe não segurou, e Sasha mandou para as redes: 1 a 1. O Tombense teve excelente oportunidade para voltar à frente no placar, mas o goleiro Rafael salvou o Atlético. Aos 52 minutos, Keno marcou o gol da vitória.

Comente! *Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.
Publicidade
Veja também
Publicidade

Noticias relevantes:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
error: Este conteúdo é protegido!