América recebe o lanterna de olho em luzes mais acima da tabela. América x Chapecoense - Portal MPA

Publicidade

América recebe o lanterna de olho em luzes mais acima da tabela. América x Chapecoense

Postado em 30/11/2021 12:13

América e Chapecoense se enfrentam nesta terça-feira, às 21h00, no Independência, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. 

O América já garantiu a permanência na Série A e, agora, sonha com a Libertadores. Para isso, precisar somar pontos. Na rodada passada, empatou com o Bragantino, por 1 a 1, fora de casa, chegou a 46 pontos e está na décima posição. O Coelho está a seis pontos do G-6.

Rebaixada à Série B de 2022, a Chapecoense segue com duas missões e pode liquidar uma delas no duelo desta terça: se livrar da pior campanha na era dos pontos corridos. Para isso, basta vencer. O Verdão do Oeste tem 15 pontos, dois a menos que o América-RN fez em 2007, quando alcançou a marca negativa que se mantém até hoje.

O treinador americano vai ter que mudar o time que vem mandando a campo. Com o argentino Zárate suspenso, o mais cotado para a vaga é Fabrício Daniel. Fora isso, o técnico não tem problemas para escalação.

Pendurados: Alê, Ademir, Carlos Alberto, Eduardo, Eduardo Bauermann, Juninho, Juninho Valoura, Lucas Kal, Marlon, Ramon, Ricardo Silva, Zé Ricardo e Zé Vitor. Técnico: Marquinho Santos

De volta após a suspensão pelo terceiro amarelo, o zagueiro Jordan não deve retornar para a titularidade do time de Felipe Endres. Ignácio, que o substituiu na última rodada, deve ser mantido. No meio, Lima pode ganhar a vaga de Ronei, e no ataque, Bruno Silva deve ser opção no lugar de Kaio Nunes.

Provável Chapecoense: João Paulo, Ezequiel, Ignacio, Joilson e Busanello; Moisés Ribeiro, Anderson Leite e Lima; Mike, Bruno Silva e Henrique Almeida.

Pendurados: Bruno Silva, Denner, Derlan, Ezequiel e Renê Jr.

Equipe de Arbitragem: Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (SP), Assistentes: Neuza Inês Back e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP), Árbitro de vídeo: Leone Carvalho Rocha (GO), Quarto árbitro: Antônio Márcio Teixeira da Silva (MG).

FUTEBOL MINAS FM