fbpx
Pular para o conteúdo

Nota de falecimento de Claudinê Albertini

Image

É com imensa tristeza que a Associação Mineira de Rádio e TV (AMIRT) comunica o falecimento de Claudinê Albertini, criador da Rádio Inconfidência FM e da Brasileiríssima. Sua contribuição significativa para o cenário da radiodifusão de Minas Gerais deixa uma marca inesquecível. A AMIRT expressa suas condolências à família, amigos e colegas de Claudinê Albertini. Que o seu legado permaneça inspirando gerações futuras da comunicação.

O radialista Claudinê Albertini, faleceu nesta segunda-feira (26), aos 79 anos, devido a uma parada cardiorrespiratória. Albertini estava internado desde quarta-feira (21/2) tratando uma pneumonia.

Velório:
Será realizado no Velório Memorial Gutierrez, das 12:30 às 14:30, nesta terça-feira (27).

Trajetória

O rádio marcou a sua vida, desde criança, em Bambuí, no Centro-Oeste de Minas, onde era ouvinte da Inconfidência AM. Já na FM, trabalhou na Rádio Del Rey e criou a inovadora e já extinta, Rádio 107 FM. Em 1979, criou a Brasileiríssima, conhecida como a “casa da música brasileira” onde apresentou o programa Boca Livre ao lado do compositor Marilton Borges. Trouxe para a equipe da Inconfidência FM artistas renomados como Gonzaguinha, Wagner Tiso e Fernando Brant, entre outros.
(Informações da Rádio Inconfidência)

O post Nota de falecimento de Claudinê Albertini apareceu primeiro em Portal AMIRT.